Total de visualizações de página

A pombagira

Meus livros de Magia Astrológica no link

domingo, 27 de março de 2011

Não sejam hipocritas! Tudo tem seu valor



É comum a pessoa pensar que somente se interligará com a espiritualidade através da oferenda, as entidades receptoras, mas, as consequências nem sempre são positivas, muitas delas, em especial as de Esquerda, começam a pedir cada vez mais oferendas com o intuito de estarem sempre próximas da pessoa, pois sabemos que para que haja aproximação da entidade é necessário que haja sintonia de pensamentos e sentimentos.

Quando fazemos uma oferenda, geralmente elevamos a nossa faixa vibracional e nos harmonizamos com a entidade. Isso faz com que comece a haver uma espécie de “vício” ou “ciclo vicioso”, onde entidade e pessoa começam a precisar da oferenda para se comunicarem.


E disso surgem pedidos cada vez mais freqüentes impedindo a evolução da pessoa e da entidade que começa a ver na oferenda a única forma de contato com a pessoa ofertante. Não sou contra as oferendas, assim como não sou contra a tudo que seja feito com prudência e harmonia, o que critico aqui é a incoerência e os excessos.

O nosso objetivo é orientar que a oferenda deva vir apenas como uma representação material de agradecimento e não de comunicação com as entidades, que basicamente e de maneira geral não precisam de oferenda. Quanto menos evoluída a entidade e mais apegado a matéria for o médium, mais ambos “precisarão” de oferendas.

Geralmente fzer isso por ocasião do dia do Orixá ou entidade em forma de homenagem é o mais indicado, ou no caso de alguma iniciação, tratamento ou pedido expresso dos Guias, pois o amor, fé, estudo doutrinário e o desejo de fazer caridade desinteressada em retribuição, ofertadas com resignação e humildade é o conceito certo a ser seguido, assim nos dispomos a ser médiuns. E se dispor a ser médium não significa apenas entrar para a corrente de um terreiro e dar incorporação. Mas se colocar a disposição, a serviço da caridade. E sabemos muito bem que não há necessidade da incorporação para que isso ocorra, assim como sabemos também que arriar oferenda não é “cuidar do santo”. Na verdade as obrigações são muitas e para cada individuo tem uma receita diferente.

O uso da oferenda como elemento de atração, religação ou ponto de fixação dependerá da orientação de cada dirigente umbandista. Havendo a real necessidade, a oferenda deve ser feita em locais determinados, normalmente junto à natureza ou reinos apropriados. Lembrando sempre de deixar o local limpo como foi encontrado.

Nós umbandistas amamos a natureza e as suas energias, como podemos sujar os locais sagrados para nós? É no mínimo incoerente. E uma coisa que o umbandista não pode ser é incoerente. A situação ideal é que todas as oferendas sejam feitas dentro do próprio terreiro em alguma parte destinada para esse fim. Ou no caso de uma necessidade, a qual o contato com o Meio Ambiente é preciso, ter cuidado, ética e higiene são fundamentais.

Eu sou um amante de roupas brancas, adoro vestir o branco, mas, dizer sempre que a vestimenta básica do trabalhador de Umbanda é toda branca e que todo mundo deve seguir essa regra na minha opinião não é tão relevante assim. Na verdade essa é uma influencia dos paises mulçumanos que cultuam Alá, aqui nominado como Oxalá. Mas, os adeptos teimam em negar que há essa influencia mulçumana no Candomblé. Pra tirar a dúvida é só fazer uma visitinha em vários paises do Continente Africano.

Na verdade cada medium vibra numa cor, mesma o Branco sendo neutro, sabemos bem que cada pessoa vibra numa tonalidade. Um filho de um orixá como Ogum por exemplo se dá muito bem com o azul e o vermelho, e num sentido bem esoterico ou astrologico com o laranja. Cada chefe de Raio de uma Vibração tem uma cor, então por que o medium só tem que andar de branco como uma galça? Papo furado!

Outra coisa imbecíl propagada por pessoas mal informadas é que "não se pode cobrar consultas ou por trabalhos magisticos"! Claro que pode! Pode e deve! As igrejas naõ cobram dizimos? Ninguem vive do nada! Todos precisam ter renda pra estudar e se manter. E ninguem vá nesse papo professado por espertalhões o tempo todo dizendo-se sempre adepto da "caridade", um terreiro precisa sim se manter, um consultor, tarologo, astrologo, numerologo ou seja lá que oráculo ele use, precisa de rendas! E por que alguem em sã consciencia iria perder tempo e trabalhar duro pra ficar o tempo todo, dando consultoria de graça pra pessoas desorientadas que só procuram consultas quando estão ferradas? Por acaso os Apostolos depois da morte de Cristo não colheu doações e muitas riquezas? As igrejas ao longo dos tempos, não juntaram patrimonios gigantescos? Sai pra lá espertinho!

Assim como o pisicologo, o médico e outros profissionais cobram por seus serviços o consultor de oraculos também pode sim cobrar! Se as divindades chegam a cobrar até com certa frequência oferendas e na Biblia vimos muitos pedidos de oferendas e dizimos, por que o medium não pode cobrar pelo tempo que ele perdeu alí ensinando algo? Claro que pode sim! E deve fazer isso sim! Ninguem é trouxa, na verdade todos se aplicam, a grande maioria hoje estuda muito, compra livros caros e perde muito tempo se aplicando, não a um ramo de vida, mas, usando seu poder pisiquico e espiritual para levar mensagens importantes, e precisa ser gratificado por isso sim!

Por que que alguem iria colocar-se a disposição de uma sociedade totalmente confusa, teimosa e egoista, o tempo todo, pra ser consultado e buscado a seu bel prazer por simples caridade? Claro que não deve ser assim, fazendo papel de idiota! A Biblia também nos deixa claro que o sacerdocio é importante. Se pra ser um sacerdote tem que ter dons espirituais, esses mesmos dons geram riquezas não só no plano espiritual mas, também materiais.

Agora é bom saber diferenciar entre profeta e sacerdote, entre mago e santo! Ou seja, as profecias enviadas pelas divindades, certamente não podem gerar cobranças, pois, vem de cima pra baixo e elas são enviadas de graça. Mas, um sacerdote que estuda as formas oraculares, ele é uma ferramente de comunicação com o sagrado. Assim se uma pessoa tem o dom da musica passa a viver da musica, se tem o dom da cura passa a viver de curar as pessoas e se tem dom de consultar o oraculos, certamente tem que ter renda nisso, ou vai ter que se aplicar a outra coisa, pois, ninguem vive sem renda! Deixem de ser hipocritas e metidos espertalhões!

Carlinhos Lima

A união é sagrada e a desunião é maligna

A Umbanda é um sistema religioso fundamentalmente naturista, isto é, se manifesta através das
forças da natureza, assim como com espíritos contemporâneos, ou não, pesando expressivamente
em seu exercício as vibrações das Almas. A Umbanda possui muitas co-irmãs e as pessoas muitas vezes confundem-na com outras religiões que possuem nomenclaturas semelhantes às utilizadas na Umbanda, no entanto a semelhança é meramente aparente e termina aí, por que o lado sectarista, inotelarante e exclusivista dos homens, criou a mania de sepação e não de união.

O fato da Umbanda ter como uma de suas raízes a forte influência africanista e cultuar Orixás,
gera muita confusão e sobressai a necessidade de apontar limites bem claros. Mas, alguns sectaristas, querem estender demais esses limites. Eles querem separação. Oras se os orixás existem, e sabemos que existem, sabemos também que a Aruanda e as dimensões sagradas são originais, são verdadeiras, não tem esse papo de "coisas genéricas" ou de melhor ou pior. Na verdade o Ogum da Umbanda é o Mesmo do Candomblé ou qualquer outra religião que cultua o orixá guerreiro. Há por ai quem critica as misturas, a confraternização e a união. Mas, tudo isso é exagero, radicalismo. Alguem que visita um terreiro de Candomblé sendo um militante da Umbanda, não vai morrer ou ser penalizado! Todo preconceito e intolerancia são coisas dos homens não das divindades. Há sim muita diferença entre os cultos, assim como divergencias existem entre outras religiões, como por exemplo a Igreja Anglicana com a Católica; As igrejas evangelicas com a Católica e assim por diante. Mas, o Deus, os anjos e a fé é a mesma.

Precisamos de união não de divisão. Paz, amor, cooperação e vida pacifica. Amem

Umbanda também tem seu código sagrado sim!



Aos olhos dos não iniciados no culto da Umbanda, Candomblé ou qualquer culto aos orixás, não existe um consenso de quais são os sete Orixás básicos ou as sete linhas, ou até mesmo sobre quais são os Orixás da Umbanda. Mas para aqueles que já estão na Umbanda há algum tempo tem-se a compreensão que a Umbanda não tem um codificador, não tem uma Bíblia, não tem um “Diretor de Culto” Supremo. No entanto, o certo é que toda religião tem sim um código, o que ocorre é que nem todo mundo tem acesso ou capacidade de compreendê-lo. O Mestre Da Matta e outros dicipulos avançaram muito nessa questão, mas, ao meu vêr ainda falta muito, sendo que eles apenas descreveram de forma muito sucinta esse código. Na verdade temos sim que investigar muito e incansavelmente. Mas, não tenho duvidas que assim como o Cristianismo, o Islamismo e outras religiões antigas a Umbanda também tem seus "Evangelhos Sagrados" seus códigos e fragmentos. Esses códigos estão nos trabalhos de grandes mestres, inseridos em ensinamentos de grandes religiões e em arquivos secretos. Esse código não é lendário ou apenas mitologico, na verdade ele é ancestral, cosmico e divino, pois, nos fala da imortalidade da alma, da magia e das divindades.

A Umbanda sofreu e sofre incríveis influências regionais e até mesmo, numa mesma região, de terreiro para terreiro. Mas, não vejo isso como um problema, na verdade vejo como uma forma de ela se adaptar a cada cultura e se tornar universal. As diferenças de culto, ritualística e de maneiras de compreender a Umbanda devem ser encaradas como riqueza da nossa religião e não como falta de organização. Portanto, há intenção de não determinar ou decodificar a Umbanda na minha opinião é um erro. A Umbanda não pode continuar sendo pregada apenas por conhecimentos orais, de forma banal, populista ou sensacionalista. Ela precisa de conceitos fundamentados e de principios que se firmem na ancestralidade e nos conhecimentos cosmicos e sagrado. Entretanto, existem algumas premissas que, de certa forma, são consenso dentro da Umbanda, havendo pequenas variações que devem ser respeitadas. Esta é a maneira como a compreendo e professo.

A Umbanda tem haver com a ancestralidade, imortalidade da alma e tem um carater mais elevado do que apenas macumba ou religiosidade. Na verdade ela é mais mistica e divina do que se pensa. Por isso, não deve ser definida apenas por lendas e mitos, identificada apenas com elementos da natureza e sim mais sincronizada aos céus. Por isso a astrologia se adapta tão bem as vibrações dos orixás.

Carlinhos Lima - Astrologo, Tarologo e Pesquisador.

O evangelho gnóstico de Tomé.



"...quando você se despe da vestimenta da vergonha, quando os dois se tornam um e o macho e a fêmea não é nem macho nem fêmea."
O evangelho de acordo com Egyptiana.

Muaitos se ampararam nesse trecho desse suposto Evangelho de Tomé para defender a magia sexual e até a homossexualidade. Mas, esse trecho na verdade não se refere bem a esse conceito. Na verdade a revelação aqui tem muito mais haver a frase do Gênesis que se refere aos amantes se tornarem "uma só carne". Ou seja que o amor funde as duas almas que se amam. E assim na magia do amor e do sexo o intercâmbio e conexão perfeita é o sentimento verdadeiro e a troca de energias harmonicas.

E não confundir se despir, com perder a descência, sair por ai fazendo estripteese, posando em revistas eróticas ou se tornar uma pessoa sem pudores. Na verdade este trecho nos remete a assumir apenas a coregem de amar, de se doar ao outro e de não ter medo de assumir seus sentimentos, com fidelidade. Essa fidelidade, diz respeito a ser fiel a si mesmo. Ou seja, não se torne relutante em assumir sua essência. Se é lésbica, gay ou se é hétero, seja como você é e não assuma um padrão de vida só por modismos, influências externas e imposição social. Seja fiel ao seu sêr. Mas, antes se avalie e se policie constantemente pra não está em uma confusão gerada entre o que você é e o que seus desejos querem impor a você!

Pra se ter sucesso no amor, nas relações com o outro e ter plenitude no sexo, e até chegar a manipular a magia sexual na forma ritualistica mesmo, só se conseguirá isso, tendo harmonia na alma e sendo pleno nos três níveis: corpo, espirito e mente! Muitos se tornaram grandes bruxos, mesmos sendo pessoas treslocadas, mas, não tiveram um bom fim, foram castigados e até hoje ainda são disseminadores de malignidades. Por isso se seu intento é apenas evoluir, ter magnetismo e ser carismático, saiba que a magia sexual só está acessivel, em primeiro lugar com conhecimento, mas, não só teórico, mas, numa prática sistemática, baseada no bem e nos dons espirituais. Mas, em se tratando em magia, o principal é ter a outorga da Lei e do Astral Superior. Então aqueles que não tem isso, quase sempre caminham por caminhos obscuros tentanto burlar a lei e os princípios, ai vão para o mundo da magia negra e até conseguem muitas conquistas sexuais e financeiras, só que no final acabam pagando caro por isso.

Carlinhos Lima - Namaste

sábado, 26 de março de 2011

Não caia em desespero seja firme sempre e não se deixe levar pelas obsessões.

Cibele deixou dois filhos. Viviane de 8 anos e Fernando de 11 - Foto: Divulgação

A atriz Cibele Dorsa que cometeu suicído na madrugada deste sabado 26, deixou uma carta de despedida, e nela disse coisas impressionantes. Uma delas, foi ter citado a Aruanda, pra logo em seguida dizer que tinha vontade de se tornar "um guia espiritual". O impressiontante nisso é que mesmo amargurada, com muita depressão, já ciente do estado conturbado de sua mente e talvez já decidida em tirar a propra vida, mas, não abriu mão de sua fé, de sua espiritualidade e da confiança na continuidade da vida. Infelizmente cometeu um ato absurdo que é muito ruim para o espirito, o mesmo ato que Judas, cometeu por arrependimento por ter vendido o Cristo.

Neste ato de Cibele, com conotação diferente, mas, nocivo da mesma forma a alma, ela fala muito em amor, saudade e ao mesmo tempo em amarguras causadas por uma pessoa que ela cita na carta. Além disso detecta-se em toda essa tragédia, que o grande vilão foi a maldita droga que desencadeou no primeiro suícido toda essa desgraça. As drogas, como sempre disse aqui é a propria essência de Satanás e seu inventor deve tá pagando muito caro por tê-la criado, certamente com a ajuda do proprio Satã.

Mas, estou comentando este episódio triste, por um motivo que é passar uma mensagem as pessoas. Há alguns anos, vi aqui em minha comunidade uma mulher tirar a propria vida, de forma diferente, ela se enforcou, mas, não por saudades ou por se sentir como Cibele, mas, de qualquer forma tinha a mesma conotação de solidão e abandono, como também tinha um personagem como o citado por Cibele que era seu marido, o qual lhe dava profundo desgosto acusando-a de coisas que ela não fez. Enfim, tirar a propria vida, longe de ser solução é um enorme perigo de perder a vida também do espirito e cair no mundo das trevas. Mas, a mensagem que quero deixar aqui é que todos os dias, passo a conhecer através de emails que recebo do Brasil e até de outros paises em especial da Europa que sempre entram em contato comigo, pessoas amarguradas por questões sentimentais! É uma coisa impressionante! O ser humano é completamente voltado a obsessões, se entregando muito mais aos desejos do que a razão.

É impressionante como frases do tipo "minha vida não vale nada sem ele ou ela", "não quero mais viver sem você", "estou sofrendo muito por amor"... E assim por diante! Há muito desequilibrio na sociedade humana, as pessoas querem sempre o que não tem, e não se conformam por não tê-la. São extremante obsessivas, alvos facéis dos obsessores encarnados e desencarnados. Essas pessoas se tornam capazes de cometer qualquer coisa, mesmo passando por cima de sua fé, de sua ética e de preceitos morais. É impressionante como os sentimentos passam como um trator por cima da razão. Elas não querem ouvir conselhos, não querem raciocinar e ficam completamente cegas, passando a sofrer, por um sofrimento que na verdade só é forte, por causa de sua propria mente, mas, elas não querem aceitar isso! Enfim, o que vêmos são muitissimas pessoas que sempre se encontram insatisfeitas, jogando suas vidas fora por causa de paixões, desejos e dores que na grande maioria são criadas por elas mesmas.

Tem muitas mulheres casadas que querem se livrar dos maridos por que estão ludibriadas por aproveitadores, se tornando capazes de cometer qualquer tipo de ato mesmo que sejam malignos, afirmando ser por amor e sem exergar que não passa de um joguete de demonios. Outras se jogam de cabeça a tentar tomar o marido de outra; outras se envolvem com homens casados, tendo tanto homem solteiro no mundo e passam a viver uma vida de amarguras, e assim por diante. E o mesmo acontece com os homens.

Enfim, compreender o ser humano não é uma questão fácil, na verdade eu tenho certeza que a ciência humana nunca será capaz disso, por mais que a Pisicologia tente, nunca irá conseguir. Então o que eu quero passar aqui a vocês é que se policiem, antes de tudo, avalie seus sentimentos, veja se não tá jogando sua vida fora, por puro capricho e escravidão de seus proprios desejos ou obsessão.

Apesar de a sociedade moderna, em especial por meio de sua mídia materialista negar a existência do Diabo, saibam que ele existe sim e todos nós seres vivos somos alvos. Não caiam na conversinha de céticos e ateus que buscam provas, querendo o email do Diabo, uma comprovação cientifica, ou provas materiais, por que a principal artimanha do mal é ficar escondido, desacreditado e trabalhar na surdina. Por isso, queridos irmãos fiquemos atentos sempre.

E rezemos pelos suícidas, por esse ato de crueldade contra si mesmo, sempre existiu desde os primórdios da nossa existência na Terra, sempre irá existir e é sempre um perigo constante, nunca poderemos afirmar que passaremos ou não por isso, não sabemos o nosso futuro, se um dia nossa mente não desalinha, se um parente nosso não cai em fraqueza... Enfim, rezemos aos Guias de Aruanda que recebam Cibele que ajudem-na a se recuperar e se iluminar. Amém

Fiquem com Deus!

Carlinhos Lima - Astrologo, Tarologo e Pesquisador.

Umbanda requer equilibrio, mental, fisico e espiritual



É comum o médium acreditar que determinados ritos vão lhe conferir maior força, ou maior propriedade de trabalho. Se isto for imperioso em sua vida, o médium deve procurar outra religião que lhe seja mais cara ou afim. Na Umbanda compreende-se através de preceitos, estudo, dedicação, as diferentes formas de manipulação de energia natural e criada e, portanto, procuramos entender melhor os mecanismos sutis que envolvem e pelos quais somos envolvidos.

O resultado de buscas e adaptações mal feitas e mal orientadas é uma má influência na vida do médium e para o nome da Umbanda. É fundamental que se compreenda a famosa frase “a Umbanda tem fundamento”, mas muitos acham que o fundamento da Umbanda está apenas na magia. Assim muitos vivem o tempo todo com feitiços pra tudo que lhe vem a cabeça. Eles querem resolver os problemas de saúde, de dinheiro, sexuais e de amor, tudo com magia, como se os orixas fossem seus escravos ou se eles tivesse o maior poder do mundo. Não sabem que a evolução e a outorga depende dos tres níveis, que são: o mental, o fisico e o espiritual. Sem uma mente sã por exemplo, nunca poderemos ter um espirito iluminado.

O trânsito de uma a outra religião é sempre compreensível, pois o homem sempre busca algo que lhe complete, no entanto não vamos confundir ou tentar adaptar circunstâncias, só por vaidade, sensacionalismo ou manipulação para realização de nossos desejos. Assim o médium se sente incompleto dentro da Umbanda, que vá buscar outra religião e não fique inventando divisões, sendo intolerante ou manipualdor. O que não pode acontecer é o dirigente “adaptar” ritos para satisfazer as necessidades do médium, pois, cada individuo tem um código proprio e tem suas chaves particulares. Assim nunca se deve adaptar rituais usados em outros individuos para outras pessoas só por que seus problemas são parecidos, ou por que ela quer conquistar a pessoa amada. Tudo tem regra, conceito e ética.

Carlinhos Lima

As Escolas Ocidentais de Feitiçaria Sexual


foto reprodução/Bruxinha sexy, fazendo magia no caldeirão

Gnosticismo é uma escola religiosa de pensamento que é tida como tendo sido desenvolvida em algum momento ao redor do advento de Jesus, coisa que eu não creio muito, mas... Suas origens são encontradas no Egito e na Suméria, enquanto suas formas externas tenderam a ser de extração hebraica. Por muitos anos os ensinamentos do Gnosticismo não eram conhecidos, até recentemente quando pesquisas descobriram que a essência da tradição Gnóstica era uma forma ocidental de Tantra.

Este 'tantrismo' tinha ritos iniciáticos e práticas adaptadas de várias tradições ainda que operando sob uma mesma estrutura organizacional generalizada. Parece que a morte do Gnosticismo, ou ainda o seu movimento nos anais do ocultismo, tomou lugar por volta de 200 d.C. e que seu ressurgimento ocorreu através de ordens secretas tais quais a Ordem de Sião e os Cavaleiros Templários.

Por volta de meados do século passado quando muitos eruditos ingleses começaram a pesquisar sobre as tradições tântricas sobreviventes em ambas suas formas oriental e ocidental e isto gerou ordens como a O.T.O. e num menor grau a Golden Dawn e outras ordens herméticas relacionadas. No caso Golden Dawn acredita-se que embora a ordem funcionasse com um foco Cristão-Judeu, sob esta fachada uma forte tradição de feitiçaria sexual floresceu, embora estas tradições não mais são ensinadas pelas derivações modernas da GD. Mas, confesso que não vejo muita luz nesses seguimentos, aliás, daí nasceram feitiços e feiticeiros perigosos que perambulam no astral até hoje. Outra coisa que incomoca é sua formula, tem coisas que é mais dificil de compreender do que o código do DNA. Até parece que a magia tem uma formula sofisticada e inacessivel. Mas, na verdade a magia real, como a da Umbanda pura e original é tão suave e tão sutil que podemos encontrar magia em toda parte, nas coisas mais simples da Terra.

A Ordo Templi Orientis também conhecida como a Ordem dos Templários do Oriente é uma ordem explicitamente tântrica com tonalidades maçônicas. Em 1912 a sua revista, Oriflamme, deixara claro que a sua premissa central de ensinamento era a feitiçaria sexual. A ordem possui a chave que abre todos os segredos herméticos e maçônicos, isto é, o ensinamento da Magia Sexual e este ensinamento explica sem exceção todos os segredos da Livre Maçonaria.

Carlinhos Lima - Pesquisas

A magia sexuala e as raizes



Feitiçaria sexual é um dos aspectos mais importantes da magia moderna por revelar um método de feitiçaria que é encontrado no próprio corpo humano. Por ser uma tradição que une tanto o ocidente quanto o oriente e usa técnicas de diferentes escolas. Para entender plenamente a Feitiçaria Sexual deve-se pôr de lado todos os preconceitos e adentrar o estudo com uma mente aberta e uma predisposição de considerar uma nova via para entender e experienciar o Universo e si mesmo.

No entanto, não confundir liberdade e falta de preconceito com imprudência, desrespeito ao corpo e aos principios morais. Tudo tem que ser experimentado, mas, desde que não ultrapasse os limites da descência, higiene e principios espiriuais.

Símbolos rituais tântricos têm sido encontrados datados aproximadamente de três mil anos antes de Cristo, estes símbolos de fertilidade parecem ser de origem Indo-européia e demonstram a antigüidade dos cultos tântricos. Tantra (que significa "a via") é a mais das religiões do mundo oriental. Seus textos primários são conhecidos como "Tantras" e são tão velhos quanto os Vedas (pelo menos dois mil anos antes de Cristo), se não mais velhos.

A influência do tantrismo pode ser vista na maior parte das culturas antigas, na grande China podemos ler sobre Alquimia Sexual e os mistérios da libido milhares de anos antes de Freud e nos cultos Gnósticos lemos sobre a encarnação da Deidade em marido e esposa. Outros exemplos
podem ser encontrados no Egito, Creta e Roma onde a feitiçaria sexual era central para a maioria das tradições iniciáticas secretas. Mesmo hoje em dia Tantra ainda está vivo na Índia moderna, ocupando um dos lugares mais sagrados dos Hindus, Kamrup in Assam, sendo a representação da Yoni ou vagina da própria deusa.

Fique ligado que mais uma vez somos direcionadas a magia, conhecimento espiritual e ocultismo dos vedas. Lembrem-se que ao adentrar esse mundo mais antigo, voltado ao Oriente, chegamos também a alfabetos, encantamentos, divindades e saberes mantricos e tantricos, que de alguma forma estão ligados também aos orixás, como também a o que chamamos hoje de Umbanda.

E esse lado mais voltado ao sexo, podemos captar melhor na Kimbanda, com o trabalho dos exus, pombagiras e do proprio eu oculto do homem! Por isso, você que estuda magia, fique sempre ligado tanto nas conexões, como também nas tradições, ancestralidade e raizes da magia. Umbanda, magia sagrada e o poder cosmico está em tudo que existe, em toda parte e em todas as épocas.

Saravá e Axé a todos!

Carlinhos Lima - Astrologo, Tarógo e Pesquisador

domingo, 13 de março de 2011

Objetos sagrados e magicos



Segundo alguns estudiosos, os templários conservavam o Santo Graal, o cálice da Última Ceia, cuja posse conferiria poderes sobre-humanos. E segundo outro templário sob investigação, são Bernardo de Chiaravalle, eles conservavam a Arca da Aliança, a caixa em que Moisés guardava as tábuas da Lei, seu cajado e sobre a qual Deus se manifestava.

Por outro lado ainda, o segredo dos templários poderia estar ligado ao conhecimento da Sagrada Geometria, para construir-se as catedrais góticas. Há, enfim quem sustente que o segredo dos templários estivesse relacionado com o Sudário. Nos processos contra os templários, diz-se que eles guardavam uma “cabeça barbuda de um morto”, que teria permanecido com eles entre 1204 e 1307. Para o cientista britânico Allan Mills, em linha com essa hipótese do italiano Carlo Giacchè, a imagem do Sudário seria de um cruzado templário morto em batalha, e não de Jesus. Algo mais recente abre a possibilidade de ser o Sudário uma obra do maravilhoso artista Leonoardo da Vinci.

Na verdade é dificil de se comprovar, mesmo com o uso da ciência, mas, não é impossivel que o sudário seja mesmo o de Cristo. O que eu duvido muito é que seja obra de DaVinci! Que se usou de muitas artimanhas pra enganar as pessoas disso não temos duvidas, mas, que muitas coisas maravilhosas foram reveladas aos homens, nós tambem não temos, como por exemplo, a Arca, as Taboas e o Bastão de Moisés, que mesmo que ninguem nunca tenha encontrado, o forte dogma de fé, faz com que aceitemos e admiremos seu poder!

Carlinhos Lima - Astrologo, Tarologo e Pesquisador.

A magia também foi revelada aos profetas biblicos

A Habrit Arca da Aliança é conhecida em hebraico como Aron. É sagrada para o Judaísmo e o Cristianismo.
Do ponto de vista historiográfico, essa versão é tida como a mais aceita e foi documentada. Não se pode, porém, excluir a hipótese de que os templários estivessem de posse de algum segredo histórico ou alquímico visado pelo rei da França. Qual seria esse segredo, não se sabe.

O que se sabe é que na história do povo Hebreu tem mais envolvimento com magia, segredos ancestrais e forças paranormais do que querem nos mostrar aqueles que se acham detentores do conhecimento biblico! Moisés e Arão eram magos sim, não eram apenas profetas que tinham visões assustadores, mas, tinham muito mais conhecimento sobre magia do que pensam saber os cristãos da moda, que gritam e fazem pregações pirotecnicas nas casas de culto o tempo todo! A espiritualidade e a magia sempre andaram de mãos dados. Mas, como sempre soubemos, ela é perigosa, é desafiadora, enquanto uns evoluem e ascendem ao céu outros caem em direção ao inferno. Por isso, prudência, respeito e obediência são sempre necessarias.

Devemos nos unir e não dividir



Na época em que nos encontramos atualmente cheia de mudanças, de transformações e de reestruturação de nossa sociedade, não devemos mais nos submeter as divisões extremistas, sectaristas, fanáticas e exclusivista das religiões! Chega de seguir regras criadas por líderes fanáticos, radicais e que querem criar grupos de exclusão.

Existe porai dois tipos de religiosos hoje em dia, aqueles que misturam tudo, sem ética, sem conhecimento e sem capricho, moral ou descência, é aqueles que tentam medir o outro com sua régua pessoal. Ou seja, para esses que gostam de medir e avaliar tudo só eles e o caminho deles estão certos e os outros "equivocados". Mas, não é bem assim! Aquele que tem a mente aberta, o coração iluminada e amor na alma, saberá que picuinhas, mentiras e engodos não funcionam mais.

Existem os tais padronizadores, na verdade sempre existiram, é por isso, que as religiões sempre causaram tantas brigas, mortes e dores. O interessante é que até mesmo dentro de uma unica religião, há seguimentos, grupos dicidentes e brigas! Chega disso! Chega de brigar só por que acha-se que "meu Deus" é mais bonito, poderoso e maior que o "Seu Deus". Chega!

Em se falando de orixás, existe uma briga imbecíl entre alguns sensacionalistas produtores de filosofismos e teoremas, que tentam provar por A mais B, que a "galinha veio primeiro que o ovo" ou que a Umbanda é melhor que o Candomblé, e que uma não pode se misturar com a outra! Que coisa mais besta! É igual supostos crentes que conheço que quando faz cultos barulhentos na rua, convidam todo mundo, saem gritando aos quatro cantos que católico ou qualquer outro adepto de qualquer religão, podem ir prestigiá-lo, mas, na hora que é convidade a ir no culto dos outros, pulam fora! Que coisa mais imbecíl!

Deus é um Deus de união, de vida e de amor, tudo que for pra dividir os irmãos é coisa de Satanas. Pessoas que vivem com as Escrituras na mão provocam exclusão, divisão e raiva, se achando santo, sem perceber que na verdade pecam e lançam ódio, por meio da intolerância.

O Candomblé é irmão da Umbanda Sim, talvez até mais antigo e mais ligado aos orixás do que a Umbanda Brasileira. Na verdade as duas tem a mesma origem, apenas caminhando por caminhos diferentes, não por necessidade, mas, muito mais por vaidade e desconhecimento de alguns reformistas da moda. Não pense que ser babolirixá na Umbanda é melhor que no Candomblé. O que ocorre é que muito espertinho, por que vê na Umbanda uma ligação maior com o Espiritisto e Cristianimo, respaldada por um sincretismo que atrapalha mais do que ajuda, vê uma facilidade maior no marketing, sendo muitas vezes mais aceito na comunidade do que o Candomblé que é de cultos mais puros e africanizados, e que por distorção de aproveitadores, chega em certos momentos, a colocar medo as pouco conhecedores dos cultos.

Chega de falar mal do que não conhece! Trazer algo novo para a busca religiosa é sempre bom, mas, trazer intrigas isso só traz ódio! Os caboclos que militam na Umbanda, são os mesmos do Candomblé, assim como os orixás. O que acontece em se notar diferenças, são por causa das influencias culturais. Como eu disse, há mais uma aproximação maior na Umbanda que se inclina com mais intensidade ao Cristianismo e Espiritismo, enquanto o Candomblé preserva mais suas origens ancestrais.

A Umbanda, ao menos esse nome, pode até ser brasileiro uma invenção nossa, mas, não é de agora, e sim de muitos seculos ou milénios que ela existe. A origem da mediunidade, do contato ancestral e da magia dos sagrados orixás, vem de muitos milénios atraz. Chega de querer enganar as pessoas, somos filhos do mesmo Pai Criador, temos que seguir o caminho da evolução e não da divisão.

Se os conceitos, ritos e conhecimentos são diferentes, o ser humano também é diferente e unico. Por isso cada um se sente bem num lugar, desde que siga com amor e não por manipulação. Essa historia de "nomes-de-guerra" que colocam em tudo quanto é entidade da Umbanda, em especial nos exus, é tudo pra tentar demonstrar que a Umbanda é brasileira. Mas, a espiritualidade em sua ancestralidade é muito mais profunda, ampla e cheia de segredos. O nome dos orixás não faz uma religião se distanciar de outra só por que uma entidade se identifica com nome latino ou Yorubá, o que faz distanciar é o egoismo, vaidade e mentira.

Carlinhos Lima

terça-feira, 8 de março de 2011

Vênus atuando com os orixás



Depois do Sol e da Lua, Vênus é o astro mais brilhante no céu e rege a atração que uma pessoa exerce sobre outra, através do magnetismo e da harmonia que um ser é capaz de transmitir ao seu redor. Muitos adeptos das religiões afro-brasileiras, associam Vênus a Oxum. E tem sim essa sincronização e relação. Em algumas posições Vênus revela Oxum sim, mas, em outras ela revela Oxumaré, Iemajá se associada a Lua, e até Ossaim, que futuramente explicarei o porque. Mas, o mais intenso raio de Vênus, ao atuar por Touro e Libra, revela mesmo é Oxossi.

Vênus, além do fator mais evidente que é a beleza física, a capacidade de sedução (consciente e inconsciente) e a arte de fazer as coisas com elegância e graça são atributos de Vênus. Tudo isso vemos sim em Oxum, mas, quando atua amplamente ligado ao tema do atributo fisico, da libido, do amor carnal e dos desejos. Mas, ligado a uma beleza mais sublime de exultação, contemplação e criação, essa beleza se revela mesmo por Oxossi. E numa tonalidade mais mistica, por Oxumaré, especialmente em Libra, ou com configuração de enquadramentos de Escorpião, Marte e Plutão.

O desejo de se unir a alguém e manter essa união também é governado pela Estrela Dalva. Nos relacionamentos humanos existe uma dimensão sensitiva e valorativa na qual o componente estético, o erotismo, o desfrute do prazer, a auto-estima e a necessidade de posse do outro exercem papéis determinantes. E aqui, temos mais claramente a dominancia do poder transformador de Oxumaré. Já num tom mais ligado ao amor feminino, temos a revelação em Oxum.

No corpo humano, Vênus rege, entre outras coisas, tudo na silhueta e no rosto que possa indicar atração física, além dos hormônios femininos e ovários. A capacidade de se destacar como objeto do desejo, a arte de seduzir, os afetos que costumam anteceder o acasalamento, o amor e a aptidão para dar e receber prazer são características venusianas. E aqui amplamente ligada a Oxum. Já no contexto mais criador em nivel espiritual o raio passa a ser dominado por Oxossi.

Enfim, é dificil se detectar o limite de até onde o mistico e o classico, ou moderno e antigo se dividem. Tudo faz parte do Todo. Venus já foi vista como Satã por antigos misticos, como anjo de Luz por espiritualistas voltados a busca da magia pura e a deusas obscuras, por bruxos praticantes da magia sexual. Assim, cada um vê a sua Vênus de uma forma.

No entanto, o que nos revela seu real valor é sua posição no mapa, seus aspectos e sua conotação inserida no tema como um tudo. Cada individuo é unico, mas, as energias que o regem não são. Elas se apresentam de varias formas se adaptando, na conformidade das necessidades carmicas, dharmicas e espirituais.

Carlinhos Lima - Astrologo

Os Simbolos Sabeus e os portais do zodiaco



Os símbolos sabeus são a versão criada pelo astrólogo franco-americano Dane Rudhyar para a velha técnica dos Graus Simbólicos, ou seja, a associação de uma imagem significativa a cada grau do zodíaco. As versões tradicionais dos graus simbólicos são o Calendário Tebaico e a Volosfera, bastante utilizados por Raul V. Martinez. Há também as versões de Charubel, Sepharial e Marc Edmund Jones, além da criada por Dane Rudhyar.

Mulheres que se expõem demais!



Não só nesse ano 2011, mas, em anos anteriores, estamos acostumados em falar na nudez revelada pelo carnaval. Até já escrevi um post sobre isso algum tempo atráz. Bem nudez e carnaval são sinonimos desde que ele foi inventado. Não só porque as pessoas gostam de se exibir e chamar atenção, como também sabemos bem que a dança desperta a sensualidade, desejos e vaidades. Em especial se a pessoa tiver bebendo ou usando outras drogas. E não é só isso, sabemos bem que especialmente aqui no Brasil, a influencia africana nos ritimos é quase cem por cento, o que de certa forma desperta a ancestralidade das pessoas, quase sempre primitiva, voltada ao sexo e amplificando a libido dos foliões.

Assim temos plena consciência e já se admite isso a muito tempo, que grande parte das pessoas não saem de suas casas apenas pra dançar, a maioria deles saem em especial atraz de companhia e sexo. Não é a toa que as secretarias de saúde distribuem um montão de camisinha, o que muitas vezes nem funciona, pois, os irresponsaveis na hora que o calor aumento e o negocio agito, querem mais saborear sem pensar em nada. E infelizmente o HIV se alastra no meio dessas pessoas que por si só já estão de corpo aberto, sem proteção espiritual e envoltos num clima de luxuria, vaidade, gula e tantos outros pecados, que para o demônio da doença sexualmente transmissivel pegá-los é molinho.

Bem como eu já disse, nós estamos já há muito tempo, acostumados e anestesiados com isso. Mas, aos olhos mais atentos é fácil perceber uma inclinação mais forte no comportamento de certas musas, talvez uma amplificação da vontade de se expor mais e mais. Pessoas que querem regressar o mundo da fama, adentrar os portais da mídia ou aqueles que tão caindo e querem se agarrar a uma ultima taboa de salvação (neste caso, com nudez), até é compreensivel, mas, pessoas que já estão lá no auge, é um cantora, atriz, musa, dançarina ou qualquer outra profissional de sucesso e derepente usa desses artificios libidinosos é uma coisa intrigante. Ao perguntar a certas mulheres o por quê de elas exporem sua nudez, as respostas são variadas, mas, boa parte delas, algumas até bem conhecidas do público na Tv, afirmam sem relutância que é só pelo prazer de ficar nua. Outras se defendem dizendo que foi só pela grana e que não fariam de novo! Mas, acho que no fundo a primeira opção é a mais dominante mesmo.

Dá pra perceber no comportamento social humano que o sexo fascina e é um assunto de maior preferência na nossa civilização, isso desde os primórdios, e não adianta falsos moralismos, puritanismos, se agarrar a Biblia, gritar nos altares ou falar em pecado! O certo é que sexo é mesmo mania mundial, é magico, gostoso e responsavel pela sobrevivência de nossa raça. No entanto, como tudo, ele também tem os seus limites, há de ser respeitadas as virtudes humanas e espirituais, há regras, há necessidade de conciência, de prudência e quando isso é perdido é onde surgem a Pedofilia, estupros, abusos de toda ordem e até sacrificios humanos. E é nesse caminho como guardiões do equilibrio sexual não só dos humanos mais do planeta que estão cientes e a postos Exus e Pombagiras coroados, ancestrais e encarregados de patrulhas permanentes.

Bem voltando a exposições, não sei se vocês capitaram nos ultimos tempos, que em especial cantoras gringas, como Lady Gaga, Beeoncy e outras divas maravilhosas, além de um enorme talento, se valem tremendamente da sexualidade, da sensualidade de seus corpos e de um comportamento totalmente libidinoso. Não creio que isso seja nenhum pouco responsavel pelo sucesso delas, pois, se fossem cantoras ruins, poderiam dá uma transa de graça junto com o cd que não venderiam nada! Mas, pode ser um artificio a mais, em especial pra se destacar entre as concorrentes, sim por quê mulher, é claro que gosta muito de rivalidade, de ser melhor que a colega, a amiga, a irmã e porai vai, rss,, bem, mas, o certo também é que há algo mais profundo e oculto influenciando as cabecinhas luxuriosas e sensualizadas dessas divas no mundo todo, é mais ou menos oque nós daqui afro-brasilienos, chamamos de influencia de Pombagira. Ou seja, elas tem dentro de si, como todo mulher no mundo uma sensualidade, kundalinica, que precisa ser harmonizada, domesticada, controlada e compreendida, mas, não o fazem. Simplesmente ignoram, levam em brincadeira. Mas, quando menos percebem! Ops, drogas, quedas, doenças, escandalos e porai vai.

Veja nas transmissões do carnaval da Bahia. Cantoras consagradissimas, que poderiam cantar vestidas de freira, fariam o povão pular e cantar, pois, estão na Mídia, são conhecidas e amadas. No entanto, elas querem mostrar as pernas, a sensualidade e só não se despem por causa do tal atentado ao pudor! Bem, em partes é apenas pagando pau mesmo, as outras famosas gringas, isso, não há como negar, uma tentativa de imitar a libidinosidade de fora, até porque elas pertencem a grandes gravadoras! Mas, como eu venho esplanando acima, elas também gosta de se despir, de se sentirem desejadas, há uma libido forte correndo nas vêias e elas querem provocar tesão. E pra falar a verdade eu adoro, se elas quiserem cantar nuas, assistirei com prazer! Mas, voltando ao prisma espiritual, temos noção que nessa nova Era de turbulência, isso se refere a algum código secreto, a um sêlo misterioso de algo maior que está por vir e que nossas fracas capacidades limitadas não conseguem decifrar. E há uma estranha sensação de um risco que no futuro se revelará.

Percebemos que até mesmo cantoras que não tiram o nome de Deus da boca, e falam na Biblia à todo momento, e que sabe que na Biblia, a vaidade, luxuria e nudez é criticada, mesmo assim não consegue se conter e aparecem no palco, cada vez mais nua, cada vez mais sexy e cada vez mais despertando desejos. Laroiê!

Carlinhos Lima - Astrologo, Tarologo, Pesquisador e Mago de Umbanda Astrologica
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores