Total de visualizações de página

sábado, 9 de julho de 2016

Cuidado com os mercenários da fé - escute Deus em seu interior

Faça uma busca interior e não se paute por pregações oportunistas


Há muito tempo, não apenas hoje em dia, que a Umbanda, Candomblé e demais movimentos dos cultos afrobrasileiros, são envergonhados por causa de pessoas inconsequentes, sem moral e sem caráter. Gananciosos que usam o nome dos orixás, da religião e usam a boa fé das pessoas para extorquir, jogando o nome do culto aos sagrados orixás na lama. Pessoas que dizem trazer a pessoa amada em 24 horas ou até menos, como também outros farsantes que até dizem ter poder de matar inimigos do consulente. É uma ofensa aos orixás e ao Sagrado a atuação dessas pessoas. E o molde usado para enganar as pessoas, na verdade não é apenas do nosso país, na verdade é universal, como bem lemos no livro livro How to Cheat At Anything (“Como Trapacear em Qualquer Coisa”, na tradução literal) o autor americano Simon Lovell menciona “o mundo lucrativo da remoção de maldições, onde o ‘médium’ pode cobrar até US$ 14 mil para tirar uma praga de uma pessoa”. Assim, não engane-se o caro irmão de fé achando que é apenas em países subdesemvolvido que isso ocorre ou apenas com pessoas analfabetas. Na verdade, nos país ricos, como EUA e na Europa, pessoas bem cultas e ricas, também são enganadas. Até porque não ocorre apenas no meio dos cultos afrobrasileiros, mas, em todo tipo de busca, como por exemplo na Wicca, ciências herméticas e incontáveis formas de uso de magia.


As pessoas se irritam, quando nos falamos que boa parte da culpa é da própria vítima, dizendo sempre "a culpa nunca é da vítima", um argumento também usado quando se fala em estupro por exemplo. Sim, concordamos que a vítima, será sempre vítima, mas, o que queremos alegar é que muitas vezes ou quase sempre a vítima facilita, morde a ísca, vai a toca dos ladrões e sabe porque? Por teimosia, por fraqueza e por não refletir bem antes de agir. Quase sempre, pessoas movidas por desejos, ira e orgulhos, são as que mais caem em golpes. Nos casos de amor por exemplo, eu atendo dezenas de emails todos os dias de todos os cantos do Brasil, quase sempre com as mesmas alegações. As pessoas, quase sempre não querem aceitar a realidade, partir pra outra, querem dar um jeito de resgatar amores que já deveriam ter acabado e com psicológico confuso, sempre acabam sendo enganados com muita facilidade. Na verdade, dinheiro, busca por sucesso e sexo, deixa as pessoas cegas de consciências - elas abrem mão da prudência e temperança, pra tentar agradar seu próprio ego e acabam sempre se dando mal.

O pior é que engana-se que essas pessoas abrem os olhos rápido. Elas continuam insistindo! Tanto que os trambiqueiros tem diversas artes de convencimento, como também, elas nunca aceitam um não como resposta. Tem pessoas que gastam tudo que pode e o que não pode, batendo em diversas portas, atrás do que querem até desenganar! Quando na verdade, elas deveriam se conformar e partir para o caminho correto. 

No entanto, nem todo consultor, astrólogo, tarólogo, numerólogo, sacerdote, mago ou bruxo é enganador! Na verdade, há uma grande massa de pessoas que se respeitam e respeitam seus consulentes. O trágico é que os enganadores são mais astutos, mais sedutores e até conseguem mais atenção, mais clientes e mais dinheiro, que aqueles que trabalham com seriedade e dizem a verdade. As pessoas preferem escolher os que esbanjam mais, fazem pirotecnias, cobram mais caro e tem mais papo. Até porque as pessoas gostam de se iludir, não querendo encarar os fatos. Querem magia, pra não abir mão de seu orgulho.

Pra finalizar, voltemos a questão de dinheiro. Bem, ninguém é obrigado a trabalhar de graça. Jamais fui contra aos que cobram por seus serviços, afinal de contas todo mundo precisa sobreviver, ninguém come vento! Falsos buscadores no entanto, sempre vem com aquele papinho de que "a meu só acredito em quem trabalha de graça" ou "o Chico Xavier não cobrava nada". Bem amigo, o Chico Xavier tinha a missão particular dele, era opção ou missão dele. Não me consta que ele tenha passado horas e horas todos os dias estudando um oráculo, astrologia ou comprando um monte de livros caros ou pagando cursos de ciências esotéricas (tudo caro)! Ele apenas cumpria uma missão pedida por seu guia que estava ao lado dele.

Alguém procura só médicos que trabalham de graça? Psicólogos que só trabalham de graça? Ou qualquer profissional só se ele trabalhar de graça? Astrologia, Ifá e diversos outros oráculos, tem haver com dons espirituais, mais precisam de aprimoramentos, estudos e tempo. Não confunda a caridade cobrada pela espiritualidade, com sacrificios desnecessários. Até porque as pessoas tendem a ir em centros, consultas ou estudos, sempre que estão desoladas querendo satisfação e ajuda. Quando elas estão bem, elas jamais buscam atenção do sagrado. Até mesmo nas igrejas evangélicas, é só a cantilena que vemos de pessoas contando suas desgraças e "superações", mas, sempre dizendo que foram quando estava num poço sem fim! Cada espiritualista tem sua missão própria e já tem um carma pesado com sua família, consigo mesmo e com seus ancestrais, não tem obrigação (a menos que sua missão cármica exija) de passar fome, gastar de seu próprio bolso e ficar horas a fio, atendendo pessoas e pessoas de graça, quando estas apenas ao serem atendidas viram as costas, jamais volta, jamais reconhecem e quase sempre além de saírem falando mal da religião, ainda negam a todo custo que foram lá ou que acreditam nisso ou naquilo. A grande maioria apenas quer se apanhar servida. Portanto, o próprio astral e guias, quase sempre são os primeiros a mandar cobrar. Até porque muitos são pessoas que tem tudo, mas, querem por orgulho algo que seu ego não quer deixar passar.

Muitas pessoas também, querem achar tudo pronto. Muitos sonham em fazer um mapa, achando que a simples leitura lhe trará todas as respostas. Não se conformam e nem aceitam que a vida é feita de ciclos e constantes iniciações. Quando passamos banhos, magias ou missões, vão logo dizendo que não acham, que é difícil e se não podemos fazer por elas. Ainda mais hoje em dia, que tudo querem resolver com aplicativos. Assim acham que tem algum aplicativo pra baixar no celular pra "cutucar o santo" e conseguir o milagre que desejam! As pessoas precisam entender que tudo tem sacrifícios. Moisés o grande escolhido penou por décadas no deserto, não achou nada fácil. Além de outros grandes mestres que sabiam bem que nada na vida vem de graça.

As religiões da moda, alinhadas a Bíblia, querem passar uma ilusão as pessoas de que basta comprar uma Bíblia, enriquecer o líder espiritual e viver repetindo o nome de Cristo e ouvindo música gospel, que tudo ficará fácil e sem obrigações. É um mero engano. A ligeira aparência de que tudo vai tudo super bem, despenca no dia em que o carma cobra e a pessoa vê que a vida não é feita de truques e nem de fé magnífica, onde apenas pagando dízimo e vivendo em oração, as coisas acontecem com facilidade. Pois temos carma, odús, temos signos e temos missões a cumprir. Sabemos sim que o Cristo morreu pra nos dá exemplo e expiar pecados, mas temos nossa parte a cumprir, basta olhar o mundo e veremos que ele continua desafiador, como antes da crucificação. Deus requer que cumpramos o que viemos cumprir em nossa jornada. 

E é evidente que a fé é importante, que Deus, os guias de luz, os anjos, os orixás e nossa própria força interior conta muito e nos ajuda. Mas, há todo um contexto. A fé não altera nossa missão, anulando os desafios, ela apenas nos prepara pra enfrentá-los. É claro que temos também nossa missão de caridade, de humildade, misericória, serviço pelo próximo e inclusão nos grupos sociais, mas, não podemos banalizar a caridade. Fazer serviços só porque achamos que seremos recompensados por isso, ou achar que todo serviço que outras pessoas fazem terão o mesmo efeito pra nós. Perceba que cada um tem uma missão. Uns veiram pra ser bombeiros, médicos, policiais, dentistas, veterinários ou diversas outras atividades. Cada um pra servir da sua forma! Não basta se juntar todo dia pra dar sopa a mendigos (não que isso não seja importante), mas, a missão de cada um é muito mais! Tem  gente que passa o dia no trabalho e a noite vai se reunir em culto pra fazer serviços sociais lá, como caridade, sem se ligar que no que ele faz mesmo, pode agir com caridade! Tem profissionais que pensam que vai encontrar Deus apenas na igreja ou em cultos, sem saber que Deus está no dia a dia. Um médico pode atender pacientes pobres sem cobrar, assim como qualquer profissional, pode usar seus dons pra fazer o bem! Então porque só alegam que o médium, o astrólogo, o tarólogo ou o mago tem que atender de graça? Toda profissão é um dom dado por Deus! Entao porque vemos médicos gananciosos, advogados gananciosos ou qualquer outro profissional gananciosos, milionários que pensam que apenas cumprindo seu dízimo mensal ou indo a igreja, já estão cumprindo sua missão? Enganam-se! A missão pessoal é única, assim como o mapa astrológico de uma pessoa é único. Cada um tem sua missão própria. Não pensem que sendo seguidor do que os outros fazem ou falam que tá tudo resolvido. É muito fácil, seguir as igrejas cheias, achando que porque tem um grande número de pessoas naquele caminho, ele é o certo! A verdade, é que a porta estreita, onde tem menos gente, pode ser o caminho da luz!

É fácil seguir multidões, marchas pra Jesus, romarias gigantes e tá no meio de milhares de pessoas. Mas, não despreze o buscador solitário, pois o próprio Cristo se iluminou no deserto! Moisés encontrou Deus no monte do deserto! Nem sempre está em igrejas cheias e ouvindo líderes midiáticos falarem é sinal de que você encontrou a Deus! Deus está na natureza. Deus está em todo lugar e se manifesta de forma única para cada um de seus filhos!

A magia faz parte da alma humana. Quando o homem começou a pensar, logo ele se ligou nos mistérios, nos eventos sobrenaturais e na mágica da vida. Por isso a magia faz tanto sucesso no cinema, nos livros e na televisão. A magia faz parte de nossa vida, pois faz parte de nossa essência. O problema é que ela não é barata e nem banal. E por isso muitos mentem sobre ela. Por isso, quando estiver buscando respostas e coisas mesquinhas, pare pra pensar e saiba que precisa buscar aquilo que você precisa e não apenas o que você quer!

E apesar do livro que citei no início do texto, sobre os aproveitadores que lucram "tirando maldições", na verdade, tem sim pessoas que podem ajudar, podem curar, podem mostrar caminhos, podem orientar, podem usar magias, mas, são pessoas que se preparam pra levar conhecimento e não pra enganar. E a diferença é que elas sempre vão falar a verdade e mandar você mudar a rota de seu caminho se for preciso e se os orixás e guias pedirem. Os mestres de verdade, não vão apenas falar coisas pra lhe agradar, tentar ganhar o seu dinheiro sendo simpáticos, mas, sendo verdadeiros. Os verdadeiros mestres, vão falar o que for melhor pra você.

Sabemos sim que tem casamentos desfeitos com magia, como tem namoros que acabam por inveja, olho gordo e feitiço - e que arranjos e rituais podem quebrar macumba, afastar espíritos ruins e até restabelecer relações, a saúde ou trazer o sucesso de volta. Porém, tudo tem uma chave, um segredo, uma cobrança, um valor e precisa da compreensão correta. Precisa ser estudado e não no chute. Precisa da outorga dos mestres e senhores do destino e não apenas com magias negras ou encantos sujos. O mago de verdade quer restabelecer a órdem e não gerar dor e sofrimentos. O mago de verdade, não é movido pela ganância ou egocentrismos. 

Axé a todos!

Carlinhos Lima

Saber astrológico: Um hospital está usando astrologia para cuidar da saúde mental dos pacientes

Saber astrológico: Um hospital está usando astrologia para cuidar da saúde mental dos pacientes
Saber astrológico: Um hospital está usando astrologia para cuidar da saúde mental dos pacientes

O Hospital Pirovano escolheu uma abordagem fora do tradicional para ajudar seus pacientes: a astrologia. A instituição de Buenos Aires, na Argentina, desenvolveu um workshop chamado "Conheça a si mesmo por meio das estrelas" para aqueles que precisam cuidar de sua saúde mental. O workshop funciona desde fevereiro deste ano e conta com uma programação semanal que possui horários dedicados a "descobrir quais medos me limitam", "me descobrir por meio das constelações", "conhecer as emoções" e "como nos relacionamos com nossos filhos adultos". O programa é acompanhado por universitários que estagiam no programa de saúde mental do hospital e está aberto ao público interessado em astrologia. A astróloga responsável pelo workshop, Claudia Rico, faz o mapa astral dos participantes e conduz os grupos de discussão. Em entrevista ao Quartz, ela explicou que a ideia é usar a astrologia para ajudar os participantes a interpretarem suas próprias experiências. "A astrologia terapêutica tenta gerar um balanço dos aspectos físicos, mentais, emocionais e espirituais dos seres humanos", diz ela. 
(Foto: Flickr/Nicola Albertini)

Rico conta que muitas pessoas vão ao workshop em busca de respostas. Ela dá o exemplo de um participante que veio sozinho da Espanha para a Argentina aos 14 anos, passou por vários casamentos péssimos e cuja filha tinha morrido. "Ele buscou a astrologia para tentar entender o motivo de essas coisas terem acontecido com ele, para encontrar um pouco de paz", explica a astróloga. Nem todo mundo está contente com o desenvolvimento do workshop de astrologia no Hospital Pirovano. No geral, especialistas afirmam que a astrologia é inofensiva, desde que não seja utilizada para decidir tratamentos médicos ou como forma de combater alguma doença.

Fonte:  revistagalileu globo com/Ciencia/noticia/2016/07

terça-feira, 5 de julho de 2016

Religião, fé e espiritualidade: Umbanda e candomblé conquistam jovens descolados no Brasil

Religião, fé e espiritualidade: Umbanda e candomblé conquistam jovens descolados no Brasil
À esquerda, Andréa, artista plástica conectada a Iemanjá. Em casa, faz banhos e orações. À direita, Janaína, “filha de Omulu” e ativista pelos direitos da mulher negra (Foto: Rogério Assis)

Esqueça a imagem das pessoas angustiadas que procuram consolo para a dor da morte de parentes. Agora, jovens descolados deixam de ir à balada para celebrar os orixás, receber passes e fazer amigos. Conheça alguns dos novos frequentadores da umbanda e do candomblé


A artista plástica Andréa Tolaini não sabe o que fazer com sua bicicleta elétrica. O veículo foi um presente em forma de pedido de casamento e tem valor sentimental para a paulistana de 30 anos, mas a verdade é que ela prefere pedalar à moda antiga, sem a ajuda de motor. Do seu ateliê, no bairro do Butantã, em São Paulo, sai pelas novas ciclofaixas da metrópole para se reunir com os clientes que encomendam seus quadros, mandalas multicoloridas pintadas em telas grandes. Tem os horários fluidos, a rotina livre e uma profissão que parece lazer. Investe seu dinheiro em shows e viagens (a última para o Peru) e, nos fins de semana, recebe os amigos para uma feijoada vegetariana em sua casa, onde mora com um gato e dois cachorros. A porta ali está sempre aberta, já que Andréa não é adepta “da vibe portão elétrico e grades até o teto”.
À esquerda, Edi, o artesão que é “filho de Ogum”, orixá equivalente a São Jorge. À direita, Karen Keppe, 29, produtora cultural e “filha de Xangô”: “A umbanda é mais sincera” (Foto: Rogério Assis)

O publicitário Rafael Mota, 27 anos, se sente completamente levado pelo ritual que, até três anos, desconhecia por completo. “É impossível não sentir a energia”, diz ele.Sua fé não vem de berço. Como a maioria dos atuais adeptos das religiões afro-brasileiras, Rafael se encantou por ela depois de adulto. “Nasci numa família católica e gostava muito do convívio da igreja. Mas, com o passar dos anos, a missa foi perdendo intensidade para mim. Aquilo não prendia mais a minha atenção .”

Ele foi pela primeira vez ao centro de umbanda por curiosidade, a convite de uma colega de trabalho. Já havia visitado templos budistas, igrejas messiânicas e evangélicas, e imaginava incluir na lista a mais caricata de suas experiências religiosas. “Mas, logo que entrei, vi que tinha imaginado tudo errado. Não havia imagens amedrontadoras nas paredes, nem galinhas mortas pelo chão.” Três semanas depois, não conseguia esquecer a boa sensação de estar naquele pátio, e assim voltou uma, duas, dezenas de vezes, até se tornar parte do time da casa. Segundo a umbanda, qualquer pessoa pode desenvolver a capacidade de intermediar o mundo dos espíritos com o nosso, e foi o que Rafael fez. “Aqui as relações são mais horizontais que na igreja católica, onde a hierarquia é mais de cima para baixo. Lá, o máximo de contato físico que você tem é beijar a mão do padre. Na umbanda, é difícil não sair abraçando meia dúzia. É como se o seu ego se dissolvesse no meio do grupo.”

A umbanda e o candomblé, religiões que vêm atraindo o grupo, também têm um código moral amplo, baseado na lei do retorno: fazer o bem para recebê-lo e evitar fazer o mal para não sofrê-lo. “Nos cultos africanos, bem e mal estão sempre juntos”, diz a produtora cultural e artista paulistana Karen Keppe, 29 anos, que teve o primeiro contato com o candomblé aos 22, ainda na faculdade de história. “Acho essa visão sincera, mais conectada com a realidade”, conclui. Hoje, frequenta um centro umbandista em Pinheiros, Zona Oeste de São Paulo, onde não raro encontra pessoas de seu meio de trabalho, como músicos com quem colabora em festas hypadas no Centro paulistano. O local é próximo ao apartamento que ela divide com o namorado e um amigo. Ela trabalha em casa, onde estuda novas maneiras de produzir música, a partir de objetos inusitados como rodas de bicicleta e pequenos ventiladores. Pelas janelas, estão pendurados outros aparelhos curiosos: são sensores caseiros de qualidade do ar, desenvolvidos pelo namorado de Karen para um projeto que mapeia a poluição da cidade. A criação dos sensores foi feita com um programa de computador “aberto”, ou seja, o projeto está disponível na internet e pode ser copiado e replicado por quem quiser. Estamos falando de uma turma para quem a vida colaborativa faz mais sentido que a corporativa. Esse comportamento é muito típico dos jovens do século 21, como já havia apontado o sociólogo Michel Maffesoli, que se dedica a entender a pós-modernidade. “O indivíduo, que era a marca mais forte da era moderna, perde valor para a comunidade, o nós vence o eu”, diz o francês no livro O Tempo das Tribos: o Declínio do Individualismo nas Sociedades de Massa (Forense Universitária, 338 págs., R$ 75).

Dentro desse contexto, é compreensível que a hierarquia horizontal da umbanda seja tão confortável para os novos adeptos. “Nunca me dei bem com chefe”, diz o designer paulistano Edi Marreiro, 33 anos, que, em suas palavras, optou por não fazer faculdade para “ter uma vida profissional mais variada”. No ano passado, deixou o trabalho como monitor de uma clínica de dependentes químicos para tornar-se designer e produzir objetos de decoração para a marca que criou com a namorada. Apesar do pouco tempo de empreitada, o casal já colhe os frutos e se sustenta com as vendas de seus produtos em um e-commerce, o Casa do Rouxinol.

Alto, com barba cheia e sete tatuagens espalhadas pelo corpo, Edi frequenta um terreiro no bairro do Morumbi, em São Paulo, e diz ter ampliado por lá até mesmo seus interesses mundanos. “Mudou a minha forma de encarar a música, os instrumentos. Antes, gostava só de rock e música eletrônica e agora gosto de percussão, de samba”, afirma. Seu envolvimento foi tão grande que se tornou ogã, um líder que canta e toca atabaque para que os espíritos possam trabalhar. Parte de suas tarefas é receber as pessoas que chegam pela primeira vez ao centro, e foi assim que conheceu a atual namorada, Raji Rajii, de 26 anos. Fora do terreiro, ele participa de um grupo de maracatu, o ritmo pernambucano que tem raízes na cultura dos escravos. Também é fã de músicos nacionais, como os rappers Emicida e Criolo. Edi se prepara para as giras com alguns rituais: nas 24 horas que antecedem os trabalhos, não tem relações sexuais, não bebe álcool nem usa qualquer substância que possa alterar a consciência, e não come carne vermelha. Também toma um banho de sete ervas. A dedicação causa estranhamento nos amigos de fora da religião. “Tem quem olhe torto, mas não ligo.”

A assistente social Janaína Grasso, 27 anos, adepta do candomblé, sabe bem como é driblar o preconceito e a intolerância religiosa. “Sou mulher, preta e baiana. Só por isso as pessoas já me chamam de macumbeira. Mas na minha religião ninguém orienta a amarrar marido ou fazer trabalhos para prejudicar os outros”, diz. Moradora do boêmio bairro da Vila Madalena, ela diz preferir as festas de rua que São Paulo oferece a locais que cobram entrada (“mais um jeito de segregar”). Na reta final do mestrado que analisa questões de gênero, ela ainda lidera o coletivo Em Alto e Bom Tom, focado no empoderamento de mulheres negras. Com uma amiga, ela monta exposições itinerantes de retratos de lindas jovens usando turbantes, cabelos afro, tranças e exibindo corpos suntuosos. As imagens visam dar mais confiança e suprir a falta de representação positiva de crianças e adolescentes afrodescendentes.

Nas semanas em que conversou com a reportagem, Janaína faltou a uma festa importante do terreiro que frequenta, com muita música, rezas e oferendas, por causa da dissertação. No candomblé, as cerimônias são guiadas pelo pai de santo e os cantos são em iorubá ou outras línguas dos antigos escravos. Diferentemente da umbanda, quem se manifesta por meio dos médiuns são os orixás – e não espíritos antigos. Por fim, se o praticante tem uma questão particular a tratar, pede uma sessão individual com o pai ou a mãe de santo, que fará perguntas aos deuses pelo jogo de búzios. São consultas que nada lembram as confissões e punições da igreja católica ou as expurgações dos evangélicos pentecostais.

Para o sociólogo das religiões Reginaldo Prandi, professor emérito da Universidade de São Paulo (USP), o aspecto lúdico coloca os cultos africanos numa posição atraente para esses jovens. “A umbanda, assim como o candomblé, tem três coisas boas da vida: música, dança e comida”, resume. Além disso, a estética de cores fortes e contrastantes, rendas e ornamentos ricos, e a conexão com folhas, ondas do mar e flores ajudam a atrair novos adeptos, afirma o estudioso. “O mundo está questionando sua relação com a natureza e, nos grandes centros urbanos, são raros os momentos em que você fica com os pés no chão, em contato com tudo isso”, analisa. Essa turma antenada mostra que, hoje, nada é mais moderno do que buscar a paz nas coisas simples da vida.

Fonte: revistamarieclaire.globo.com/Comportamento/noticia/2015/08/

A coroa astrológica e o carma de Daniel Radcliffe - o astro eterno de Harry Potter


Daniel Radcliffe volta a falar sobre problemas com o álcool: 'Me sinto mais estável' - Ator revelou que está em uma nova fase: 'Estou mais confortável'


Imortalizado ao viver o personagem Harry Potter no cinema, o ator Daniel Radcliffe voltou a falar sobre os problemas com a bebida que desenvolveu no início da vida adulta. Em entrevista ao Telegraph, o inglês tranquilizou os fãs. "Eu me sinto muito mais estável mentalmente e estou mais confortável com o que me faz feliz", disse. Brevemente, a estrela voltou a tocar no assunto. "Eu mudo quando estou bêbado. Eu sou o tipo de pessoa que muda quando bebe. Há algo em qualquer pessoa que bebe que claramente não é bom para eles, algo que atrai para o caos", disse o ator.
Em 2014, uma biografia não oficial afirmava que Radcliffe luta contra o alcoolismo há anos. "Ele tomava drinques escondido quando morava com os pais. Quando passou a morar com amigos aos 17 anos se tornou totalmente dependente de álcool. Ele tentou esconder seus problemas na bebida", comentou na época Randy Jernigan, autor do livro sobre o ator. No mesmo ano, o ator abriu seu drama aos fãs. “Eu vivia com medo de quem iria conhecer, do que eu poderia dizer a eles e o que poderia ser feito depois disso. Então, ficava no meu apartamento por dias, bebendo sozinho. Eu era um recluso aos 20 anos. Era patético, não era eu: sou divertido, educado, mas [o álcool] me tornou rude", afirmou ao the Guardian.


De acordo com a Astrologia, Daniel possui Sol no signo de Leão, Portando filho de Oxalá, o que nos confirma seu tom de voz calma e serena, além de sua forma misteriosa, pela acentuação do Sol com Mercúrio e com a Lua, que sugere uma pessoa consciente do papel que veio desempenhar no mundo e que deseja ajudar os outros. Também deixa claro o imenso carisma, talento e poder de encantar, especialmente o público jovem. Assim como o incansável Harry Potter, Daniel é corajoso, generoso e com disposição de sobra para correr atrás de suas metas. Até porque com a vibração da coroa ancestral, tendo Oxalá como Pai de Cabeça e Nanã como Mãe de Cabeça, ele tem muita perseverança e teimosia. Mas, é ao mesmo tempo o que gera essa aparência meio arredia, estranha e desfocada do plano social.

É com essa força que o ator sentiu uma intensa vontade de ter reconhecimento por seus talentos e deixar sua marca por onde passasse e como vimos, ele conseguiu. O bruxinho Harry Potter, foi um presente impagável pra sua carreira. E ele com a força de Oxalá e tendo a forte proteção de Orumilá e Ewá, se deu muito bem com um personagem ligado a magia, pois estes orixás, são responsáveis por adivinhação, oráculos e magia. Além disso, com Plutão em Escorpião e Lua em Áries, o ator, se deu muito bem com o mundo místico e com os amantes do cinema e da magia ou da magia no cinema. 


Daniel também é protegido por Oxumaré, o grande Babalaô entre os orixás, que serviu até ao Deus Supremo. Como também possui Vênus em Leão, o ator adora ir em busca de aventuras e assim as cenas dos jogos em Hogwarts, o famoso Quadribol, foi um sucesso na série do bruxinho. No entanto, por transmitir uma atmosfera de autoconfiança, é provável que, assim como o menino feiticeiro, Radcliffe às vezes cause antipatia em algumas pessoas que confundem seu jeito destemido com arrogância e pretensão. Até porque filhos de Oxalá tem uma forte imponência leonina, que as vezes parece ser soberba e orgulho. Outro posicionamento que chama atenção no Mapa do ator é Marte no signo de Leão. Isso mostra que o comportamento dele em situações difíceis costuma ser digno e muito ético. Daniel deve sentir necessidade de batalhar por todos os seus desejos e possivelmente terá boas oportunidades de obter tudo que deseja. No entanto, a maior lição do astro é compreender seus próprios limites e não se arriscar em situações que possam causar prejuízos à sua vida. Resta saber se Harry Potter também precisará da mesma garra e atenção para derrotar o mais poderoso vilão das trevas.

O Fogo é um elemento muito forte no mapa de Daniel, sugerindo uma pessoa que busca atenção e admiração. A generosidade e o calor humano são características geralmente notadas. Há, no Fogo, um sentimento de ser especial; e isso não deixa de ser verdade: as pessoas deste elemento costumam chamar muito a atenção e serem consideradas brilhantes. O momento do nascimento do ator foi marcado por uma poderosa interação entre os planetas Vênus e Júpiter. Há, neste tipo de aspecto, aquilo que chamamos de predisposição à sorte. A associação Vênus-Júpiter confere a Daniel um notável senso de chance, que lhe permite perceber oportunidades que as demais pessoas não conseguem ver. Também fica claro que o carma de Daniel não é ruim, afinal de contas, além de talentoso, criativo e milionário, ele conseguiu essa fortuna toda e sucesso, bem cedo. Mas, o enquadramento do mapa em si, pode atentar essa predisposição ao álcool, talvez gerado por alguma forma de depressão, em especial vemos Netuno acompanhado de dois planetas maléficos, que são Urano e Saturno. Além disso, Netuno, está mal com a Lua. No entanto, o carma dele, apesar de ser muito bom, em diversos aspectos, o mapa revela algum tipo de abuso de poder, arrogância, soberba e outros desvios de comportamento que é a chave para os códigos ruins ainda existentes nesse carma. Só que o mais importante é que ele é um ser muito protegido espiritualmente.



Ele já é rico e famoso. Daniel uma "estrela"! O que é certo é que o ponto médio Sol/Lua é em Gêmeos. Que é o signo da juventude e por isso, fez tanto sucesso com os jovens. Assim, vemos que ele além de ter Oxumaré de Frente, tem ainda, a proteção de Exu Mirim e Oxum regendo sua área de cinema e artes visuais. Daniel Radcliffe tem 'vocação' Marte e Vênus depois do Sol e Júpiter antes, essa cobertura, dá a ele, predisposição para o sucesso com a arte e para obter riqueza. Isso significa que ele é um ser internacional (Júpiter) e pelo lado físico, mais negativo, envolvendo questões psicológicas e espirituais, vemos aqui, que ele pode ser um alcoólatra, como realmente acabou se tornando, mas, com grande poder de auto-cura, superando em algum momento essa fraqueza, mesmo que ela esteja sempre em seu inconsciente como teste cármico.

A combinação de Marte e Júpiter é um que de um monte de energia e unidade (uma das chaves para o sucesso). Existem 4 estágios em Leão e 3 em Capricórnio. combinações de Leão/Capricórnio são ambiciosos. E Vênus é em sextil a Júpiter e quintil de Plutão, revela essa bênção da arte e da magia. A combinação Venus/Jupiter/Plutão é ótimo para ganhar dinheiro e ser popular. Progredido sua coroa astrológica, vemos que seu ciclo de vida mostra novas realidades e a possível criação de um novo estilo de vida. Pode surgir um grande papel ainda, que coloque Daniel de novo em foco com o público jovem, mas, alguns indícios cármicos por ele nunca ter cuidado direito de sua vida espiritual, poderá, fazer um 2017 cheio de desafios, algumas perdas importantes e risco de depressão. Ele deveria estudar mais espiritualismo, magia e não como forma de ficção, mas, como busca pessoa. Afinal de contas ele não se tornou milionário a toa. Sua missão espiritual, é em especial, se comunicar com os jovens, defender mais grupos e causas e dedicar-se mais a filosofias grandiosas para a humanidade. Poderia escrever livros e fazer trabalhos, usando sua fortuna pra ajudar pessoas.


Leão e Capricórnio dominam a coroa astrológica de Daniel Radcliffe, Assim, Oxalá, Nanã, Oxumré e Orumilá, dominam sua coroa ancestral. Além disso, Daniel, tem força pra magia, proteção de Exu Mirim e também de Ogum. a mistura destes dois signos e desses orixás, dando-lhe um nativo de Virgem encoberto (do ponto de vista centrado no Sol), diz que ele tem também missões humanas importantes. Sol em conjunção Mercúrio é capaz de comunicar os próprios motivos ou desejos. A Lua  em Áries fala-nos de confiança e saber como liderar, mas deve se proteger contra ser mandão ou ditatorial. Vênus em Leão é orgulhoso, brincalhão, e afetuoso, mas também pode ser teimoso e possessivo.

Vênus em conjunção com Marte é talentoso e produtivo e se dá bem com o sexo oposto. Marte e Vênus, também nos mostra que ele gosta de sexo, tem fortes fetiches e é capaz de fazer sacrifícios por prazer. Mas, há pontos de inclinação homossexual em sua coroa ancestral, apesar de ele também gostar muito de mulher. O que há bem forte é que ele é capaz de experimentar e verificar o novo e tudo que pra ele se mostre como desafio. Urano aqui é engenhosa a definirá uma rotulagem, e Netuno aqui sonha em ordem e estrutura universal. Plutão em Escorpião é mais forte em seu próprio signo de Escorpião, dando ele uma compreensão instintiva do sexo, morte e forças ocultas. Eles são naturalmente regenerativos e são capazes de chegar rapidamente ao coração de qualquer problema.



Para uma mulher ganhar o coração de Daniel Radicliffe, ela tem que ser bem original, bem simples, mostrar boa articulação verbal, ser boa de papo e falar de coisas inteligentes. Mas, não deve ser afoita, deve ir estimulando ou atiçando o desejo com criatividade. Assim na cama, Daniel não gosta de mulher muito patricinha, mas, de forma mais natural. Sem maquiagens pesadas, sem lingeries de grife e sem perfumes caros. Ele gosta do cheiro da terra, transar na grama, com parceiras no estilo camponesa. O que ele quer é mulher com estilo de menina, bem sapeca, mas, com um estilo meio ingênuo, que vai chegando ao clímax por envolvimento e não por imposição.

O odú Otura-Aiku, rege toda essa parte mais oculta de Daniel, que é um odú, muito ligado a tentações, riscos de relacionamentos destrutivos e vícios nocivos. Então o carma de Daniel, durante sua vida, sempre o de resistir as tentações que podem lhe causar mal. Este é o odú da magia, o odú onde o Diabo levou Jesus ao alto da colina e é um odu da espiritualidade obscura. Por isso, o ator, deveria se cuidar mais espiritualmente. Ele dá poder pra ganhar dinheiro, mas, também como eu já falei é um portal de tentações e vícios. E ele no futuro, pode ainda ter problema nos ossos e sofrer de tonturas. Uma dia desse odú é que ele use sempre um crucifixo no pescoço pra afastar os gênios ruins de sua coroa ancestral. Daniel também está num ciclo de vida atual, nesses próximos anos em especial, onde seu carma, sua espiritualidade e seus protetores, requerem dele, mais envolvimento com grupos, envolvimento até mesmo político, pra defender causas e também podendo vir a se envolver com alguma religião.

E por falar em magia, compre meu livro de Umbanda Astrológica... peça o seu aqui... 

E pros estudiosos de magia, leiam sobre magia cerimonial do Rei Salomão. Peça seu livro das Clavículas de Salomão... Veja mais aqui...

Acessem a página de Umbanda Astrológica no Facebook e vejam diversos postes...aqui


Carlinhos Lima
Astrólogo  


According to astrology, Daniel has Sun in the sign of Leo, the son Porting Oxala, confirming in his calm voice and serene, and his mysterious way, the accentuation of the Sun with Mercury and the Moon, which suggests conscious of the role that person has come to play in the world and you want to help others. It also makes clear the immense charisma, talent and power to delight, especially the young people. As well as the tireless Harry Potter, Daniel is brave, generous and with plenty of willingness to chase their goals. Also because the vibration of the ancient crown, and I wish as Father Head and Nanã as Mother Head, he has a lot of perseverance and stubbornness. But at the same time it is what generates this appearance means aloof, strange and blurred the social plan.

De acuerdo con la astrología, Daniel tiene al Sol en el signo de Leo, el hijo de portabilidad Oxalá, confirmando en su voz tranquila y serena, y su misteriosa manera, la acentuación del Sol con Mercurio y la Luna, lo que sugiere consciente del papel que la persona ha llegado a jugar en el mundo y que desea ayudar a los demás. También deja claro el carisma inmenso, el talento y el poder para delicia, sobre todo los jóvenes. Así como la incansable Harry Potter, Daniel es valiente, generoso y con un montón de buena voluntad para perseguir sus objetivos. También debido a la vibración de la antigua corona, y deseo como Padre de cabeza y Nanã como Madre Cabeza, que tiene una gran cantidad de perseverancia y obstinación. Pero, al mismo tiempo, es lo que genera significa distante, extraña esta apariencia borrosa y el plan social.

Selon l'astrologie, Daniel a Soleil dans le signe du Lion, le fils Porting Oxala, confirmant sa voix calme et sereine, et sa façon mystérieuse, l'accentuation du Soleil avec Mercure et la Lune, ce qui suggère conscient du rôle que cette personne est venu à jouer dans le monde et que vous voulez aider les autres. Il précise également le charisme immense, le talent et le pouvoir pour le plaisir, en particulier les jeunes. Aussi bien que l'infatigable Harry Potter, Daniel est courageux, généreux et avec beaucoup de volonté de poursuivre leurs objectifs. Aussi parce que la vibration de l'ancienne couronne, et je souhaite que le père de la tête et Nanã comme Mère Head, il a beaucoup de persévérance et entêtement. Mais en même temps, il est ce qui génère signifie l'écart, étrange cette apparence et floue du plan social.

Secondo l'astrologia, Daniel ha Sole nel segno del Leone, figlio Porting Oxala, confermando la sua voce calma e serena, e il suo modo misterioso, l'accentuazione del Sole con Mercurio e la Luna, che suggerisce consapevole del ruolo che la persona è venuto a svolgere nel mondo e si vuole aiutare gli altri. E 'anche chiaro il carisma immenso, il talento e il potere di deliziare, specialmente i giovani. Oltre alla instancabile di Harry Potter, Daniel è coraggioso, generoso e con un sacco di volontà di inseguire i propri obiettivi. Anche perché la vibrazione del antica corona, e vorrei come Padre Testa e Nana come Madre capo, ha un sacco di perseveranza e testardaggine. Ma allo stesso tempo è ciò che genera questa forma significa in disparte, strano e sfocato il piano sociale.

על פי האסטרולוגיה, דניאל סאן מזל האריה, בנו הסבה אושאלה, המאשר בקולו הרגוע ושלווה, והאורח המסתורי שלו, ההדגשה של השמש עם מרקורי והירח, אשר טוען כמי שמודעת התפקיד הגיע לשחק בעולם ואתה רוצה לעזור לאחרים. זה גם מבהיר את הכריזמה העצומה, הכשרון והכח לענג, בעיקר צעיר. כמו גם את הארי פוטר בלתי נלאה, דניאל הוא אמיץ, נדיב עם המון נכונות לרדוף את מטרותיהם. גם בגלל הרטט של הכתר העתיק, ואני מאחל כמו אבא ראש וננה כמו אמא ראש, יש לו הרבה התמדה ועקשנות. אבל באותו זמן זה מה שיוצר מראה זה אומר מנגד, מוזר טשטש את תוכנית חברתית.

Laut Astrologie hat Daniel Sonne im Zeichen des Löwen, der Sohn Porting Oxala, in seiner ruhigen Stimme und heiter, und seine geheimnisvolle Art und Weise, die Akzentuierung der Sonne mit Merkur und dem Mond bestätigt, was darauf hindeutet im Bewusstsein der Rolle, die die Person in der Welt zu spielen ist gekommen, und Sie wollen, um anderen zu helfen. Es macht auch klar, dass die immense Ausstrahlung, Talent und Energie zu begeistern , vor allem die jungen Menschen. Neben dem unermüdlichen Harry Potter, Daniel ist mutig, großzügig und mit viel Bereitschaft, ihre Ziele zu verfolgen. Auch, weil die Vibration der alten Krone, und ich wünsche als Vater Kopf und NANA als Mutter Kopf, er hat viel Ausdauer und Hartnäckigkeit. Aber zugleich ist es das, was erzeugt diese Erscheinung bedeutet fern, fremd und verwischt den Sozialplan .

وفقا لعلم التنجيم، دانيال الشمس في علامة على ليو، ابن ترقية Oxala، مؤكدا في صوته الهدوء والسكينة، وبطريقته الغامضة، واستفحال الشمس مع عطارد والقمر، مما يوحي واعية لدور هذا الشخص قد حان للعب في العالم، وتريد مساعدة الآخرين. كما أنه يجعل من الواضح الكاريزما الهائلة والموهبة والقدرة على فرحة، وخاصة الشباب. وكذلك لا يكل هاري بوتر، دانيال هو شجاع، سخي ومع الكثير من الرغبة في مطاردة أهدافهم. أيضا لأن اهتزاز تاج القديم، وأود كأب رئيس ونانا رئيسا الأم، لديه الكثير من المثابرة والعناد. ولكن في نفس الوقت هو ما يولد يعني هذا مظهر بمعزل، غريبة وغير واضحة وخطة اجتماعية.

占星術によると、ダニエルは示唆しているレオの看板で日、彼の穏やかな声で確認息子移植Oxala、そして穏やかな、と彼の神秘的な方法、水星と太陽と月のアクセントを持っています人は世界に遊びに来ていて、あなたが他の人を助けたい役割を意識。また、巨大なカリスマ性、才能とパワーは、特に若い人たちを楽しませて明確になります。だけでなく、疲れを知らないハリー・ポッター、ダニエルは、勇敢な寛大で、自分の目標を追いかける意欲をたっぷりとあります。古代の王冠の振動ので、私は母の頭のように父頭NANAよう希望する。また、彼は忍耐と頑固さをたくさん持っています。しかし同時にそれは、この外観は、孤高奇妙なおよび社会的計画をぼやけを意味生成するものです。

Volgens astrologie, Daniël het Sun in die teken van Leo, die seun Porting Oxala, bevestig in sy kalm stem en rustige, en sy geheimsinnige manier, die beklemtoning van die Son met Mercury en die maan, wat daarop dui bewus van die rol wat mens het gekom om te speel in die wêreld en wat jy wil om ander te help. Dit maak ook duidelik die enorme charisma, talent en vermoë om 'n behae, veral die jong mense. Sowel as die onvermoeide Harry Potter, Daniel is dapper, vrygewig en met baie van die bereidwilligheid om hul doelwitte te jaag. Ook omdat die vibrasie van die antieke kroon, en ek wil as Vader Hoof en Nana as Moeder Hoof, het hy 'n baie deursettingsvermoë en hardkoppigheid. Maar op dieselfde tyd wat dit is wat verwek hierdie verskyning beteken afsydig, vreemde en vervaag die maatskaplike plan.

根據占星術,丹尼爾太陽在獅子座的符號,兒子移植Oxala,在他平靜的聲音而安詳,和他神秘的方式,太陽水星和月亮的加重,確認這表明有意識的作用,那個人已經走在了世界玩,你想幫助別人。這也明確了巨大的感召力,人才和力量的喜悅,尤其是年輕人。以及不懈的哈利·波特,丹尼爾是勇敢,大方,用大量願意去追逐自己的目標。也正因為古代的冠的振動,我希望為父親頭部和娜娜為母頭,他有很多的毅力和固執。但在同一時間,它是生成這個樣子意味著冷漠,陌生和模糊的社會計劃。

Σύμφωνα με την αστρολογία, ο Daniel έχει Ήλιου στο ζώδιο του Λέοντα, του γιου Η μεταφορά Oxalá, επιβεβαιώνοντας με ήρεμη φωνή και γαλήνιο του, και μυστηριώδη τρόπο του, την όξυνση του Ήλιου με τον Ερμή και τη Σελήνη, γεγονός που υποδηλώνει επίγνωση του ρόλου που πρόσωπο έχει έρθει να παίξει στον κόσμο και θέλετε να βοηθήσετε τους άλλους. Καθιστά επίσης σαφές το τεράστιο χάρισμα, το ταλέντο και τη δύναμη να ευχαριστήσει ιδιαίτερα τους νέους. Καθώς και την ακούραστη Χάρι Πότερ, Daniel είναι γενναία, γενναιόδωρη και με άφθονο προθυμία να κυνηγήσει τους στόχους τους. Επίσης, επειδή η δόνηση της αρχαίας στέμμα, και εύχομαι ως Πατέρας αρχηγού και την Νάνα ως Μητέρα Head, ο ίδιος έχει πολλή επιμονή και πείσμα. Αλλά την ίδια στιγμή, είναι αυτό που δημιουργεί σημαίνει αυτή η εμφάνιση απόμακρος, παράξενα και θολή το κοινωνικό πρόγραμμα.

Astrolojiye göre, Daniel, onun sakin bir sesle ve dingin ve onun gizemli bir şekilde, Merkür ile Güneş ve Ay'ın vurguların, içinde teyit hangi anlaşılacağı Aslan burcunda, oğlu Porting Oxala Güneş'i var kişi dünyada oynamaya geldi ve başkalarına yardım etmek istiyorum rolün bilincinde. Aynı zamanda büyük karizma, yetenek ve güç, özellikle de gençleri memnun etmek açık hale getirir. Yanı sıra yorulmaz Harry Potter gibi Daniel amaçlarını kovalamak, cesur, cömert ve istekli bol olduğunu. Antik taç titreşim ve ben anne Başkanı olarak Baba Başkanı ve Nana olarak diliyorum çünkü Ayrıca, o azim ve inat bir yeri vardır. Ama aynı zamanda bu görünüm garip, uzak anlamı ve sosyal bir plan bulanık şey üretir olduğunu.

ज्योतिष के अनुसार, डैनियल सिंह के हस्ताक्षर, बेटा पोर्टिंग Oxala में सूर्य है, उसकी आवाज शांत और निर्मल, और उसकी रहस्यमय तरीके से, बुध के साथ सूर्य और चंद्रमा की बलाघातपूर्ण, में इस बात की पुष्टि जो पता चलता है भूमिका के प्रति सचेत है कि व्यक्ति को दुनिया में खेलने के लिए आ गया है और आप दूसरों की मदद करना चाहते हैं। यह भी स्पष्ट करता है अपार करिश्मा, प्रतिभा और शक्ति को प्रसन्न करने के लिए, विशेष रूप से युवा लोगों को। के रूप में अच्छी तरह से अथक हैरी पॉटर, डैनियल, बहादुर उदार और इच्छा के बहुत से उनके लक्ष्यों का पीछा करने के लिए है। इसके अलावा, क्योंकि प्राचीन ताज की कंपन, और मैं पिता सिर और नाना मदर प्रमुख के रूप में के रूप में चाहते हैं, वह दृढ़ता और जिद का एक बहुत है। लेकिन एक ही समय में यह क्या उत्पन्न इस स्वरूप अलग, अजीब मतलब है और सामाजिक योजना धुंधला है।

Согласно астрологии, Даниэль имеет Солнце в знаке Льва, сына Портирование Oxala, подтвердив в его спокойным голосом и спокойной, и его таинственным образом, акцентуации Солнца с Меркурием и Луной, которая предполагает осознает ту роль, которую человек пришел, чтобы играть в мире, и вы хотите, чтобы помочь другим. Это также делает ясно огромное харизма, талант и сила радовать, особенно молодых людей. Так же, как неутомимого Гарри Поттера, Дэниел смелы, щедры и с большим количеством желания преследовать свои цели. Кроме того, поскольку вибрация древней короны, и я желаю, как отец Голова и Нана как мать руководителя, он имеет много настойчивости и упорства. Но в то же время это то, что порождает это явление означает, в стороне, как ни странно, и размыли социальный план.

ตามหลักโหราศาสตร์, แดเนียลมีดวงอาทิตย์ในราศีของราศีสิงห์ลูกชาย Porting Oxala ยืนยันในเสียงของเขาเงียบสงบและวิธีการที่ลึกลับของเขาเสียงหนักเบาของดวงอาทิตย์กับดาวพุธและดวงจันทร์ซึ่งแสดงให้เห็น จิตสำนึกของบทบาทที่บุคคลได้มาเล่นในโลกและคุณต้องการที่จะช่วยให้ผู้อื่น นอกจากนี้ยังทำให้ชัดเจนเสน่ห์อันยิ่งใหญ่ความสามารถและอำนาจที่จะมีความสุขโดยเฉพาะอย่างยิ่งคนหนุ่มสาว เช่นเดียวกับที่ไม่รู้จักเหน็ดเหนื่อย Harry Potter, แดเนียลเป็นผู้กล้าหาญใจกว้างและมีความอุดมสมบูรณ์ของความตั้งใจที่จะไล่ตามเป้าหมายของพวกเขา ยังเป็นเพราะการสั่นสะเทือนของพระมหากษัตริย์ในสมัยโบราณและฉันหวังว่าพ่อใหญ่และนานาเป็นแม่หัวเขามีจำนวนมากของความเพียรและความดื้อรั้น แต่ในเวลาเดียวกันก็เป็นสิ่งที่ก่อให้เกิดลักษณะนี้หมายถึงการห่างแปลกและเบลอแผนทางสังคม              

Busca espiritual: Conheça famosos que são umbandistas ou do Candomblé

Umbandista, Amanda pretende rezar e pedir proteção 

Os famosos também tem mediunidade como qualquer um, além de ancestralidade, carma e necessidades espirituais

Miguel Falabella, Chica Xavier, Juliana Paes, Daniela Mercury, Leci Brandão, Zeca Pagodinho, Jorge Fernando e Henri Castelli estão entre os famosos adeptos da umbanda. O pai Guimarães de Ogum denuncia que existe muito preconceito contra os umbandistas.

Leia o livro de Umbanda Astrológica e saiba mais sobre os signos, magia carmica e ancestral dos orixás: Compre o seu aqui...

Espiritualidade, fé e misticismo são assuntos que muitas vezes causam divergências entre membros de algumas religiões. No entanto, a diversidade de cultos e crenças é algo interessante que pode ajudar a abrir vários caminhos na vida das pessoas, inclusive na de celebridades.  Wagner Moura Baiano, o ator declarou ser seguidor do candomblé.  Miguel Falabella: O ator, diretor e produtor é um dos devotos famosos da umbanda. Juliana Paes A atriz é outra celebridade que segue a umbanda. Maria Bethânia A cantora de MPB segue os conceitos do candomblé. Chico Buarque O músico é outro devoto do candomblé. Daniela Mercury A cantora baiana já afirmou ser seguidora da umbanda.

Espiritualidade, fé e misticismo são assuntos que muitas vezes causam divergências entre membros de algumas religiões. No entanto, a diversidade de cultos e crenças é algo interessante que pode ajudar a abrir vários caminhos na vida das pessoas, inclusive na de celebridades. Conheça famosos que são espíritas:

Scheila Carvalho

A ex-morena do É o Tchan já declarou que segue a doutrina espírita em sua vida.

Fábio Assunção

O ator também é adepto do espiritismo. Seu casamento, em 2002, com Priscila Borgonovi, foi realizado em uma cerimônia espírita.


Cleo Pires

Por influência do pai, o cantor Fábio Jr., a atriz segue o espiritismo como religião.

Paula Fernandes

Um dos maiores sucessos do universo sertanejo da atualidade, a cantora também já revelou ser espírita. A cantora sertaneja Paula Fernandes revelou que é espírita durante uma participação em um programa de TV. “Tenho comigo que só a doutrina espírita ou algo ligado a isso justifica muitas coisas que eu sinto, meu dom. Eu acho que a gente nunca está sozinho, eu não componho sozinha”, revelou a cantora. Após a revelação, fãs evangélicos e Testemunhas de Jeová se revoltaram nas redes sociais.

Cassia Kiss Magro

A atriz deposita sua fé no espiritismo e até atuou em novelas sobre o tema.

Elba Ramalho

A cantora foi criada sob os ensinamentos do catolicismo, mas se converteu ao espiritismo.

Rosi Campos

A atriz se diz seguidora e estudiosa da fé espírita há mais de 20 anos.

Herbert Viana O vocalista dos Paralamas do sucesso é espírita. Em fevereiro de 2001, sofreu um acidente com um ultraleve. Perdeu a esposa, ficou internado em estado grave. A recuperação foi mais rápida do que se esperava. Ficou paraplégico, porém, mais lúcido do que nunca que até voltou a todo vapor para os palcos. Após o acidente ele se prende ao espiritismo. “Tenho muito entusiasmo por reencarnação e diferentes planos de vibração. Construí minha casa no Recreio dos Bandeirantes/RJ com um amigo do meu pai. Na nossa convivência descobri que a esposa dele era médium de um centro espírita. Comecei a ler sobre espiritismo e a fazer consultas com um Preto Velho, com quem desenvolvi uma ligação muito forte de amizade. Fiquei entusiasmado, mas nunca dependente”, diz.



 Taís Araújo

É Católica e segue outras religiões. “Fui batizada na Igreja Católica. Rezo todas as noites: Pai Nosso, Ave Maria, Salmo 91. Adoro Santa Terezinha. Mas sou brasileira, né? Sigo tudo. Sou filha de Oxum Apará. E gosto de astrologia! Sou sagitariana com ascendente em gêmeos. Deve ser por isso que eu falo pelos cotovelos”, diz.

Zeca Pagodinho

O cantor contou que mistura as tradições católicas de família com as da religião Umbanda. O pagodeiro sempre assumiu sua devoção religiosa promovendo festas de São Jorge e também carrega tatuado no peito uma imagem de São Cosme e Damião. “Não passo uma segunda-feira sem ir ao terreiro”, disse.

Maitê Proença

A atriz diz que já foi adepta do Daime, mas que agora tem sua própria religião. “Tenho uma prática diária, espiritual, minha, que é uma mistura de tudo o que eu já vivi. Tem Igreja Católica, mas também tenho um colar com Cigana do Oriente, estrela do Espírito Santo, Iemanjá, Nossa Senhora da Aparecida, Nossa Senhora Desatadora dos Nós, estrela de Davi e até o Zé Pilintra. Essa guia fica no meu altar. Às vezes, também uso no corpo”, disse ela.



Confira as histórias de admiração de artistas ao Santo Guerreiro, homenageado nesse feriado. Jorge Vercillo A ligação do cantor com São Jorge vem no nome e na postura de vida: “Não sou religioso ou devoto, admiro a história dele e acho que herdei esse espírito guerreiro”. — Minha mãe teve um aborto. E só depois descobriu que ainda havia outro bebê em seu útero. Era para eu ter um irmão gêmeo. O médico sugeriu abortar, mas ela se recusou e pediu a São Jorge para que eu nascesse bem.

Jorge Fernando: Ele é Jorge em homenagem ao Santo Guerreiro, e conta que praticamente nasceu em um terreiro de umbanda, daí sua adoração. São Jorge é parte de Jorge Fernando, que tem um oratório e reza diariamente: “Acho até que dou muito trabalho!”. — Fui à igreja em todos os dias de São Jorge, dos 7 aos 14 anos. Quando pequeno era muito fraquinho, tinha asma, e mamãe fez essa promessa. Eu melhorei! São Jorge é a minha base e o meu eixo.

Beth Carvalho: A Madrinha do Samba diz ser cética, mas admite ter admiração pela história do santo, que foi contestado pela Igreja Católica no século 5. Beth Carvalho tem uma imagem de gesso de São Jorge na sala de casa. — No candomblé, que admiro culturalmente, todas as mães de santo disseram que sou filha de Ogum (representado por São Jorge). Não tenho uma crença, mas apelo a ele quando estou doente, pois fico fragilizada”.

Jorge Aragão: A devoção ao Santo Guerreiro foi despertada há 28 anos, quando Aragão cantava com Jorge Ben Jor e o ouvia dizer “Salve Jorujo!”. A fé cresceu tanto que, às vezes, ele se pega conversando alto com o santo: “As pessoas pensam que sou maluco, mas não ligo”. — A relação com São Jorge é tão natural e forte que ele é um amigo que tenho e converso: 'Pô, me ajuda aí'. Para mim é Deus acima de tudo e depois São Jorge, que me inspira pela força que teve e pelo que viveu.  

Compre meu segundo livro - Magias cerimoniais de Salomão - Clique aqui...

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Caminhos da espiritualidade: Bruna Surfistinha diz que Umbanda a ajuda a compreender rejeição dos pais

Raquel Pacheco disse que antes tinha preconceito com a religião. E revelou que foi a um terreiro pela primeira vez após sonhar com a mãe.


Caminhos da espiritualidade: Bruna Surfistinha diz que Umbanda a ajuda a compreender rejeição dos pais
Caminhos da espiritualidade: Bruna Surfistinha diz que Umbanda a ajuda a compreender rejeição dos pais

Raquel Pacheco, a eterna Bruna Surfistinha, é umbandista praticante há cinco anos. Em uma entrevista para o programa de rádio "Pânico", ela explicou como tudo começou e disse que a Umbanda a ajudou a compreender rejeição dos pais.
A ex-garota de programa - que deixou a casa da família aos 17 anos - contou que tudo começou com um sonho. "Para mim sempre foi uma batalha reconquistar meus pais, me reencontrar com eles. Em 2011 tive um sonho com minha mãe e senti que ela queria me dizer algo e não conseguia, chorava, guardava coisas em caixas, e acordei angustiada", disse.
Um tempo depois, Raquel encontrou uma amiga que frequentava um terreiro e resolveu ir até lá tomar um passe. "E aí nunca mais saí! Quando entrei senti uma paz que nunca tinha sentido e senti que aquele era o meu lugar. Parecia que já fazia parte daquilo", contou.

Mas a tentativa de reaproximação com a família veio quando um exu mirim disse que Raquel tinha que procurar a mãe. "Ele afirmou que algo tinha acontecido com minha família e por isso tinha que procurá-la. Quando eu liguei para minha mãe, recebi a notícia de que meu pai tinha morrido um dia antes do meu sonho", lembrou.
Ainda assim, Raquel não conseguiu reconquistar a mãe, que disse que ia procurá-la mas não entrou mais em contato. "Respeito o tempo dela. Hoje sei que não é fácil ter uma filha Bruna Surfistinha e eu também rejeitei eles, né?", disse. Mas acrescentou que não acha que a sua separação dos pais foi por acaso: "Acredito que por algum motivo eu tive que sair da vida deles".
Ela revelou ainda também que antes tinha preconceito com a religião, mas afirma que no terreiro ninguém julga o seu passado. "Posso dizer que encontrei o amor, que é algo que a gente não consegue descrever, só sentir. Eu preenchi um vazio muito grande, eu sempre senti falta de uma fé. E a Umbanda me acolheu", afirmou.

Raquel na avaliação da Umbanda Astrológica

 Realmente foi muito importante pra escritora Raquel Pacheco, encontrar um caminho espiritualista como é a Umbanda, que acolhe e não julga as pessoas. Primeiro, porque as entidades são boas em auxiliar quem está sentindo que algo em sua vida ainda não tem explicação, como também, quando se tem dificuldade em se achar um direcionamento espiritual, segundo, pelos fatores cármicos contidos no horóscopo astral e ancestral da Raquel. A coroa ancestral da Raquel é uma coroa bem antiga, bem anciã, pra ser mais claro e muito mística.

Isso mesmo muito mística. A coroa ancestral de Raquel, demonstram uma força dos orixás mais místicos, como é o caso de Oxumaré, o Pai de Cabeça de Raquel. Por isso a troca de "pele" ou melhor de nome, como também o encanto com os homens, o enorme magnetísmo e carisma da moça com os homens. Também, com relação a mãe, a Raquel, independente de escolher uma vida de garota de programa ou não, certamente ela teria por outro motivos, pois sua coroa mostra esse caram. Por ter Nanã como mãe de cabeça e Omulú de Frente, mostra esse exílio, esse autosacrificio, se martirizando com o sexo. Sim, isso mesmo. Apesar de ela ter ganho muita grana, fama, escrito livros e dizer que fez tudo por prazer, o sexo, era uma releitura cármica que não deveria ser feita. Isso porque além desses dois orixas tão intensos, tão psicológicos e tão reprimidores, ainda tem a força de Iansã como Orixá de Cabeça e Pombagira agindo diretamente de frente. E o que isso quer dizer? Que a inclinação sexual seria mesmo fortíssima, com climax desde a puberdade, mas, que esse era na verdade um desafio a ser evitado. Ou seja, muitos de nós nascemos como tendências para que evitemos fazer, pra não repetir o mesmo processo de vidas anteriores.

Em vidas passadas, Raquel foi sacerdotisa de alguma religião, que misturava magia sexual, sacrifícios e forças sobrenaturais. O sexo, já fez assim, grande parte da sua vida anterior, portanto, nessa vida, deveria ser usado de forma mais sentimental e não tanto institntivo. Raquel tem uma magia muito grande, de conquista, de criação, de domínio e de comando, até mesmo poder de cura e autocura. Sua coroa é poderosa, tendo Xangô, como guia de proteção e Oxóssi, como responsável pelos caminhos, escrita e comunicação. Enquanto Ogum, o orixá da riqueza, tanto trouxe muito dinheiro a ela, como também sempre leva embora, quando é preciso reajustar o carma.

Além de uma pombagira forte, um Exu atuante, muito potente, forma a coroa de Raquel e talvez por meio da escrita é que ela poderá cumprir parte de sua missão, especialmente escrevendo ao público jovem, pra que evitem cair nas garras da luxúria, drogas e caminhos ruins. Com o Odú OgbéBara de frente, a moça manda bem em tudo que faz, é guerreira, corajosa, impetuosa, mas, tem nessa energia, uma certa tendência a exagerar no entusiamo e acaba caindo em erro por excesso. Este também é um odu que fala de tramas e traições familiares, até mesmo sacrifícios de filhos, como no caso de Abraão (onde ele não chegou a fazer o sacrifício), também fala de problemas familiáres. Assim este odú está amplamente interligado a encarnações passadas de Raquel. Este odu, fala de doenças que podem ser adquiridas na noite, como por exemplo, de ouvido ou pulmões, em idade mais avançada e também é o odú, das gesticulações, ou seja, pessoas que gesticulam muito falando.

Mas, focando exclusivamente no âmbito familiar, vemos que o odu da moça nessa área é Ose'Yeku, e assim, esse odu, traz no mesmo caminho miséria e necessidades caminhando juntas. Por isso o carma familiar. Pelo lado positivo o Odú de trabalho é positivo, de riqueza, mas, fala de ilusões, erros, tropeços, de atrapalhões por eguns, por isso altos e baixos. Ika Gbe, atuante na sua atuação profissional, trouxe muito dinheiro, mas, por outro lado, por causa da luxuria que acentou Egum em seu carma, veio as incompreensões e também perdas espirituais. Até porque Iemanjá é seu orixá ancestral, regente do carma, por meio de Iansã, que deveria ter gerado uma família com filhos e uma vida dentro de padrões tradicionais, mas, como a repetição do carma, veio pela luxuria, muitos dons se perderam. Ao invés de Iemanjá e Iansã reinarem em sua coroa, Pombagira, teve a coroa e o comando. Mas, seu Odu central, ainda é de riqueza, só precisando trabalhar sua espiritualidade, sua coroa e desenvolver sua missão que agora é de tentar evitar que outras meninas, façam a mesma escolha.

Mapa Natal de Bruna Surfistinha: Sol em Conjunção com Plutão em Escorpião (sua identidade/Sol ganhou reconhecimento/Sol por lidar com questões tabu/Plutão-Escorpião: sexo, prostituição). E ainda a forte conjunção entre Lua em Capricornio e Netuno em Sagitário, no final do portal jupteriano o que mostra seu poder de hipnotizar e atiçar absorvendo a energia das pessoas. Porém, pelo jeitão franco, sincero e aberto de Raquel Pacheco,  ela tem Lua em Conjunção com Netuno, com a pitada rude de Saturno, pela porta escura de Capricórnio. É um posicionamento que pode indicar a adoção (vir de uma família/Lua desconhecida/Netuno). Essa energia, nos mostra que ela tem proteção de Pretos Velhos, especialmente uma Preta Velha muito conhecida na Umbanda, que a tirou de sérios riscos de vida e de doença. Também a proteção de uma baiana poderosa e uma Cigana que dá encanto e carisma. Vênus em Conjunção com Urano em Sagitário. Vênus – no Mapa de uma mulher – mostra o tipo de experiência sexual que ela pode viver. Bruna Surfistinha experimentou de tudo (Urano) em termos sexuais (Vênus), arriscando-se em várias aventuras (Sagitário) com os seus clientes. Mercúrio em conjunção com Saturno em Escorpião. Ela ficou reconhecida socialmente (Saturno) através do que comunicou (Mercúrio) em seu blog, sobre as experiências sexuais e as questões-tabu (Escorpião) que ali abordou. E a conjunção separativa entre Marte e Júpiter em Capricórnio. Ela tem uma determinação e tanto para realizar suas ambições (Marte/Júpiter em Capricórnio). 
Sua linha de Oxum, não é muito potente, mas, está diretamente ligada sua sexualidade. Oxum rege sua casa de sexo, fetiche e ganho por meio de outros. Por isso, ela faturou tanto, quando estimulou o fetiche das pessoas e a curisidade, gerando enorme tesão. Mesmo sua Oxum estando subjugada a Iansã, ela sobe ser doce quando precisava e agressiva, quando foi exigida. O interessante, é que mesmo tendo feito de tudo na sua vida sexual, sua coroa é tradicionalista, portanto, fazendo as coisas, mais por impulso, curiosidade, rebeldia e descontrole espiritual, do que propriamente um desejo intenso só por fetiche. Ela vivenciou mais uma vez as teias do carma e isso a levou até mesmo de forma inconsciente ou subconsciente. Suas configurações não mostram um interesse por pênis enormes ou um estilo de ninfomaníaca, mas, mais de rebeldia. Parceiros, não precisam ser perfeitos fisicamente ou de pau gigante, mas, apenas ser um homem de padrões tradicionais. Na verdade sua vida sexual, foi mais pela entidade Bruna Surfistinha, que pela originalidade Raquel Pacheco. E esse é o estilo Oxumaré de ser.



Bruna não vive um ciclo bom, pois tanto Omulú, quanto Oxumaré, bloqueiam sua vida, ainda mais com Plutão e Saturno fechando seu mapa. Até sua libido deve está mais baixa e seu entusiasmo também. Mas, seu foco espiritual, lhe trará novo foco, novo ânimo e ainda alguma missão importante em breve. Sua busca na Umbanda é muito proveitosa e ela poderá ainda  ter luzes que necessida pra brilhar novamente. Raquel, tende a se desenvolver mais espiritualmente e ter mais inspiração vinda dos ancestrais e orixás. Mas, como sabemos, quanto mais dons aparecem, mais tentações também surgirão... O ano 2017, será um dos anos mais desafiadores, onde muitas coisas ocorrerão em sua vida...







Compre seu livro de Umbanda Astrológica, últimos exemplares, aproveite! Peça o seu aqui...

Compre tamém, meu segundo livro - As Clavículas de Salomão...

Espaço: Juno capta sons de Júpiter a poucas horas de chegar ao planeta

Imagem de Júpiter feita pela sonda Cassini
Imagem de Júpiter feita pela sonda Cassini (NASA/JPL/University of Arizona)

Após percorrer 2,8 bilhões de quilômetros, Juno sobrevoará Júpiter 37 vezes durante um ano terrestre, 5.000 quilômetros acima das nuvens do planeta


A missão Juno, da Nasa, está a poucas horas de entrar na órbita de Júpiter – e na história. De acordo com a agência espacial americana, após uma odisseia de cinco anos no espaço, Juno chegará ao planeta na madrugada entre esta segunda-feira (4) e terça-feira (5). Ao passo que se aproxima do gigante gasoso, a missão consegue captar dados incríveis – e inéditos – do planeta: Juno disponibilizou aos terráqueos o som captado pela sonda ao entrar no campo magnético de Júpiter, em 24 de junho (confira abaixo).

Juno – Após percorrer 2,8 bilhões de quilômetros, Juno sobrevoará Júpiter 37 vezes durante um ano terrestre, 5.000 quilômetros acima das nuvens do planeta. A sonda usará uma série de instrumentos, fornecidos por Itália, França e Bélgica, como parte de uma parceria com a Agência Espacial Europeia, para estudar o funcionamento de Júpiter e analisar sua composição. A nave orbitará os polos do gigantesco planeta, que, acredita-se, foi o primeiro a se formar, com massa duas vezes maior que a de todos os outros planetas do Sistema Solar juntos. A missão não é tripulada – mas viajou sob os “olhares cuidadosos” de bonecos de Lego de Galileu Galilei, do deus romano Júpiter e de sua mulher, Juno (que dá nome à sonda). Impulsionada por energia solar e avaliada em 1,1 bilhão de dólares, a sonda fará parte de duas experiências significativas para avaliar a quantidade de água que o planeta contém e determinar se “possui um núcleo de elementos pesados em seu centro, ou se é composto apenas de gás”, explicou Scott Bolton, principal cientista do programa Juno e membro do Southwest Research Institute em San Antonio (Texas).

Outras missões – Júpiter começou a ser explorado nos anos 1970 pelas sondas Pioners e Voyagers – mas elas não orbitaram o planeta, apenas se aproximaram dele. Foi assim também com as sondas Ulysses, Cassini e, a mais recente delas, New Horizons, que passou próximo ao planeta em 2007. “A primeira a orbitar o planeta foi a sonda Galileo, que chegou lá em 1995. A Galileo tinha objetivos mais gerais, como estudo da atmosfera e magnetosfera de Júpiter, seus anéis e suas luas, principalmente as quatro maiores. Juno tem objetivos bem mais precisos e contará com tecnologia bem mais avançada”, afirmou Daniel Mello, astrônomo do Observatório do Valongo, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

A beleza e encanto dos poderoso Pretos Velhos

A beleza e encanto dos poderoso Pretos Velhos
A beleza e encanto dos poderoso Pretos Velhos

Guias de luz - trabalhando pelo amor, união e paz


Com a forte influência do Kardecismo, que preza muito o contato com desencarnados, a Umbanda ganhou um caráter muito de contato com os ancestrais mais simples, como é o de evocação ou invocação de linhas mais humanas, como por exemplo, ciganos, boiadeiros, mineiros, marinheiros, índios e os mais populares, os pretos velhos. Na verdade, as religiões com maior profundidade no africanismo, prezam mais pelos orixás, como forças da natureza, como deuses e como uma força mais complexa. Até mesmo no que se refere aos odus, buscando orixás da criação, temos orixás que sequer encarnaram ou mesmo incorporem. Porém, tem o contato sim com os ancestrais, que é o que assemelha-se um pouco mais com a Umbanda que temos hoje, como é o caso do culto a Egum, o que o Candomblé trabalha muito bem, além de outros diversos rituais que envolvem reencarnação e obsessão. Mas, a Umbanda que temos hoje, é bem diferente dos cultos originais mais milenares do Continente Africano. Até porque há na Umbanda, desde sua idealização com Zélio, a forte influência do cristianismo, que se sobrepõs a muitas tradições, podou saberes, destruiu tradições e adotou em muitos casos, o sincretismo ou um lado mais popular, até para ser mais aceito e menos perseguido todo o ritual da Umbanda que nasceu mais populista, até mesmo que o Candomblé ou a Macumba.

Bem, não há mal em nada disso, desde que seja organizado, aplicado e vivenciado com verdade, sinceridade e equilibrio, mas, sem demagogias, sectarismos, populismos, manipulações e simples vontade de agradar aos cristãos preconceituosos. Só que devemos reconhecer sim, o quão difícil isso é! Pois vivemos num pais de predominância cristão, dura intolerância religiosa, apesar de demagogos, querer que acreditemos nesse sonhado "país laico". Na verdade, sabemos bem que até as leis, a Constituição e os poderes estão submissos as leis biblicas e que outras religiões pouco podem fazer. Então, muitas delas, decidiu se sujeitar mesmo aos seguimentos mais cristãos pra ter mais aceitação. Por isso, muitos líderes de Umbanda, querem posar com ar de supreiores, mais iluminados, mais cristãos e mais sábios, até mesmo que os irmãos do Candomblé. Porque é mais fácil, receber as pessoas, mostrando um santuário, que um congá, repleto apenas de imagnes de orixás! Como também é mais fácil, passar um ritual pra um santo que para uma entidade africana! Então, as pessoas que vão em momentos de aflição, buscar contato com pessoas no Kardecismo, também querem encontrar o mesmo contato no seguimento afrobrasileiro, assim, as linhas humanas, como citei acima, são mais receptivas e mais aceitas. 

As pessoas, preferem julgar pela aparência, do que pela profundidade e essência. Então, encontrar um terreiro, onde todo mundo só veste branco, se diz mago branco, reza e lê a Bíblia, ao invés de evocar mantras mais primitivos, será sempre visto como "lindinho", não dá medo e é mais aceitável, pois o nosso inconciente ocidental e ameríndio, está todo subjugado aos dogmas cristãoes e preconceitos religiosos. Sempre iremos ouvir de pastores demagogos, que "orixás são demônios", que a Bíblia "é verdade absoluta", que Jesus é Deus e que o resto não serve pra nada e que pagar dízimos e ir gritar na igreja é que é "aceitar a Cristo", mesmo sem saber se o Cristo o aceitou e se acieta isso!

Bem, a linha mais popular e realmente carinhosa, caridosa e bonita da Umbanda são os pretos velhos, que pra Umbanda Astrológica, são Pais Velhos, ou seja, não apenas com roupagens de pretos, mas, também de índios, brancos, orientais, enfim, de todas as raças. Mas, respeitando o estigma e tradição popular, sabemos que o mais divulgado é mesmo como forma de linha de Pretos Velhos. E com a Lei Áurea sancionada pela Princesa Isabel que completou 128 anos, lei, que libertou milhares de africanos trazidos para o Brasil para trabalharem como escravos, contribuiu ao longo do tempo para a formação da atual sociedade. Da senzala para as fazendas e casarões, os homens, as mulheres e as crianças passaram a se integrar ao coletivo. Como muitos deles eram sacerdotes de religiões africanas, seus costumes e fé também se integraram ao cotidiano brasileiro.

Uma fé num Deus (Olórun-Olódùmarè e Zmby) que distribui seu Axé (poder) em cada elemento da natureza. Muitos desses sábios sacerdotes e sacerdotisas fundamentaram os alicerces das religiões afro-brasileiras. Até porque eles foram grandes baluartes, com suas rezas, benzimentos e carinho, com poder de cura e libertação. Porém sabemos bem que os cristãos intolerantes, podaram muito das tradições, fizeram os mestres esquecerem ou deturparam as tradições, para que não fossem perseguidos. Além disso, aproveitadores e demagogos, que pregaram de forma populista ou maligna para ganhar dinheiro. Então muito desse axé se perdeu infelizmente.

Nos dias atuais, vários deles são venerados como Ésà (espíritos ancestrais) no ritual do Ìpàdé, no Candomblé e Pretos Velhos, na Umbanda. Na Umbanda, os Pretos Velhos são reverenciados com muito carinho e considerados como espíritos sábios, humildes e pacientes. Sentados num banquinho, que muitos deles chamam de "toco", fumando cachimbo ou cigarro de palha os Pretos Velhos passam suas mensagens e orientações com zelo e ternura. Conhecedores das mais diferentes mirongas-mandingas, os Pretos Velhos têm sempre uma resposta para cada problema. E o mais importante no contato com essas entidades, é que elas não vem com patacoadas ou assustando os consulentes, mas, passam sempre carinho, proteção e bons conselhos. Por isso são  tão aceitos, apesar de alguns deles  tere respostas e críticas duras. No entanto, seja defumando o consulente, esses amados chamando carinhosamente de "Zi-fio, filho", dando passes ou lhes ensinando uma magia, todos saem com uma solução. Os Pretos Velhos nos passam o exemplo de como o espírito pode crescer através da luz, da sabedoria e da humildade! O que diferencia o atendimento é que o atendimento pode ser corropido pela ganância do médium que recebe a entidade, muitos distorcem as coisas pra tirar proveito depois. Como também o interesse do consulente, pois muitos vão cegos de consciência, fingem não escutar os conselhos e só querem ouvir o que querem, por isso a maioria se frustra muito, pois não querem a verdade e sim as soluções que suas ambiões desejam.

Saravá! Salve os Pretos Velhos! Axé! 

Peçam meu novo livro As Clavículas de Salomão ou compre o meu primeiro que vem com grande successo a Umbanda Astrológica.

Veja um vídeo de humor pra descontrair

video

Carlinhos Lima
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Seguidores

Seguir por Email

Seguidores

Marcadores

orixás (249) magia (246) espiritualidade (178) astrologia (156) (148) Umbanda (111) amor (105) umbanda astrológica (101) CONCEITOS (95) Umbanda-Astrologica (93) signos (88) sexo (84) religião (76) previsões (69) mulher (64) exu (62) pesquisas (58) conceito (57) 2016 (56) anjos (54) carma (50) astral (48) comportamento (48) signo (48) destino (47) mediunidade (47) candomblé (46) pombagira (45) Cabala (44) rituais (42) UMBANDA ASTROLOGICA (40) Astrofísica (38) CONCEITOS DE UMBANDA - ASTROLOGICA (33) poder (33) ancestrais (30) arcanos (30) Livro (28) espaço (28) sucesso (28) fé religião (27) pesquisa (26) busca (25) comprendendo o simbolismo (25) oxumaré (25) sorte (25) oxum (24) estudos (23) magia sexual (23) Ogum (22) PESQUSAS DE UMBANDA ASTROLOGICA (22) deus (22) odus (22) pombagiras (22) ifá (21) proteção (21) vida (21) anjo (20) protetores (20) orixas (19) sexualidade (19) Umbanda-Astrologiaca (18) baralho (18) desejo (18) energia (18) horóscopo (18) magos (18) oxalá (18) 2014 (16) Caminhos da fé (16) INICIAÇÃO (16) Obaluaê (16) Saturno (16) UMBANDA ASTROLOGICA E MAGIA (16) astros (16) brasil (16) sagrado (16) Comportamento na vida (15) Iansã (15) ano (15) atriz (15) axé (15) jesus (15) livro de umbanda astrológica (15) mapa astral (15) CONCEITOS DE UMBANDA (14) Lua (14) Omulú (14) Xangô (14) carma sexual (14) oráculos (14) terra (14) dinheiro (13) magia negra (13) odús (13) vibrações (13) Guias (12) Júpiter (12) Yorimá (12) linhas (12) ritual (12) 12 signos (11) caminhos (11) mapa astrológico (11) Estudo (10) Orumilá-Ifá (10) REENCARNAÇÃO (10) bem estar (10) conhecimento (10) céu (10) nova era (10) oração (10) paixão (10) planeta (10) Astrônomos (9) Horóscopo Chinês (9) Marte (9) OFERENDA (9) OS SENHORES DO DESTINO (9) anjo da guarda (9) clavículas de Salomão (9) estrela (9) história (9) numerologia (9) umbanda-astrológica (9) vibração (9) 72 anjos (8) ciclos (8) cães (8) luz (8) mestres (8) oraculo (8) pemba (8) poderes (8) Astronomia (7) CATIMBÓ (7) Caboclos (7) Era de Aquário (7) Macaco de Fogo (7) busca espiritual (7) cientistas (7) ciência (7) cosmos (7) dons (7) missão (7) obsessão (7) solidão (7) agente do carma (6) arcanjos (6) astrólogos (6) chacras (6) essência (6) homem (6) Câncer (5) EXU GUARDIAO (5) Escorpião (5) Mitologia (5) amarração (5) esquerda (5) feitiço (5) misterios (5) Linha do Destino (4) advinhação (4) ebós (4) era de Aquario (4) macumba (4) mapa astrologico (2)