Total de visualizações de página

Meus livros de Magia Astrológica no link

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Piores e melhores nomes que existem pra conseguir riqueza e sucesso


Existe mesmo nomes bons ou ruins e dias positivos pra nascer?


Como eu venho fazendo aqui, aproveito momentos na correria, pra responder alguns emails que se somam com o mesmo assunto, pra poupar tempo. Pois sempre respondo todos, na medida do possível, mas, quando um tema é muito recorrente, eu me sinto forçado a postar aqui pra que muitas outras pessoas, já acessem direito o assunto aqui.

Bem, uma pergunta muito frequente, além das que já respondi aqui, diz respeito a nomes. Especialmente porque há escolas e vendedores de cursos que divulgam vídeos no Youtube sobre isso. Me refiro aos nomes bons ou ruins! Bem, em primeiro lugar, não há nomes bons ou ruins. Quem faz o nome é a pessoa e não o nome que faz a pessoa. Toda essa história de nome bom ou ruim, é mais uma invenção de numerólogos. Isso de dizer que os papas ou patriarcas mudaram os nomes por numerologia, é balela. Deus não é numerólogo e nem a igreja muda os nomes dos papas por numerologia, na verdade é o Papa eleito que escolhe o nome que mais se identifica. Muda-se de nome, por iniciação numa missão espiritual. Por isso Josué mudou o nome, Moisés mudou o nome e tantos outros, como Abraão e Jacoh mudaram o nome. Mais pelo significado iniciático e oculto, que numérico. Além do mais, mesmo que fosse numérico, nós não temos acesso a essa numerologia oculta e sobrenatural. A numerologia cabalística no Brasil é uma invenção, que nem chega perto a numerologia cabalística original dos rabinos, que tem outra configuração.

Outra patacoada é querer dizer que um nome é bom ou ruim, baseado na história de outra pessoa. Isso é invencionice! Um Alexandre que foi psicopata num passado distante, não influenciara em nada, a vida de um Alexandre que esteja vivo hoje. Portanto, essas pessoas pessoas que dão cursos de numerologia supostamente cabalística, mas, com alfabeto latino, dizem que Umbanda, Orixá e outras ciências ocultas, "não servem pra nada" e ficam no YouTube, arrotando conhecimento vasto. No entanto, usam pêndulo, pra analisar uma assinatura! A numerologia, seja ela pitagórica ou não, não tem poder pra dizer a positividade de um nome. Os antigos mestres, usavam sistemas miraculares de poderes sobrenaturais poderosíssimos pra isso e não apenas tabelas. Dizer hoje em dia que o nome Bill Gates é afortunado é fácil! Eu quero saber se algum numerólogo, disse isso a ele, quando ele ainda era um jovem sonhador!?

Eu acredito na força da magia celta, quando ela diz que nome tem poder. A diferença é que esse nome não cabe a nós decidir, ele é inspirado e apenas uma pequena parcela de nomes são realmente inspirados no mundo. Não é qualquer nome, colocado por qualquer pai que faz o destino de uma pessoa. Há uma configuração de fatores. Não se ligue muito no que numerólogos dizem,  nem crie paranóia com seu nome, pois seu nome será grandioso, a partir do momento que você se tornar grandioso. Não existe pessoa no mundo que não tenha problema em alguma área da vida.

Tá cheio de numerologo e pai de sano que incorpora nomes místicos no nome, aumentam letras, mudam sobrenomes... tudo balela. Coloca o nome de um gênio numa pessoa que não tem talento nenhum, que você vai ver, que é inútil. Por isso, as grandes  filosofias ocultistas, apostam nos oráculos e na magia, pra buscarem transformações, elas não confiam em tabelas simples. Será que o número 1 vibra da mesma forma pra todo mundo? Claro que não! A Astrologia é mais fantástica que a numerologia cabalística, justamente porque dá margem a interpretação. É ai que tá a magia da astrologia. Não apenas pegar um programa de computador que imprime um mapa numerológico, automático, como se toda pessoa que nasccesse naquele tia tivesse o mesmo destino! A inspiração do astrólogo e sua capacidade espiritual, é que poderão revelar cores e segredos de uma pessoa, lendo o alfabeto sagrado do cosmos que é o Zodíaco. Mas, pegar uma tabela pronta e inventada no computador, de uma soma, seca e sem interpretação, não serve pra nada.

Tem escolas, vendendo cursos, falando em rendas exorbitantes de numerólogo, mas, se é uma empresa e academia tão prospera assim, porque perdem tempo fazendo mapas e dando cursos? Por generosidade, pra repartir conhecimento e riqueza? Claro que não! Se tivessem mesmo os códigos da vida, usavam todo esse poder numerológico, pra fazer fortuna na bolsa, no mercado financeiro e outras coisas que gerassem milhões e não rotina cansativa! Como um numerólogo que usa um programa de computador e faz mais de dez mapas por dia, analisa uma pessoa? Claro que não analisa! É tudo montado, automático, similar a todo mundo! Além disso, não podemos afirmar ao certo em que ano estamos. Então como podemos dizer que números achando em nossa data de nascimento nos dão a revelação de carma, riqueza, destino e essência? E se usasse essas tabelas de numerologia cabalística no calendário juliano, por volta de 1400, antes do ajuste do calendário, como seria? Quer dizer que o destino é revelado pela vontade de um imperador ou papa que chega e adapta o calendário? E se fizessem algum ajuste agora no calendário e modificasse o ano, como ficaria a análise da data de nascimento? Além disso, a numerologia kabalística original, foi criada baseada no alfabeto hebraico e não no nosso alfabeto. Essa história de querer acrescentar potências com acentuações é invenção dos rabinos e da gematria. 

Da mesma forma que os evangélicos que pregam prosperidade com facilidade, essas academias de numerologia, também pregam uma renda extraordinária, mas, pra que cursos avançados de numerologia, se você vai usar um software pra fazer tudo de forma automática? Você vai pagar mais de 300 reais num mapa similar a tantos outros e sem interpretação, tudo feito pelo computador, como se você fosse apenas um numero em série? Astrologia dessa forma, também não funciona. O Astrólogo tem que interpretar, olhar de forma holística, assim como fazemos com o Ifá, com os búzios, tirando provas e mostrando que cada pessoa é única, sem códigos repetitivos ou similares. Na udologia por exemplo, não se prende apenas a somas, mas, a verificação, escolhe-se o melhor método pra cada pessoa e identifica-se por vibração astral, a que odus ela está inclinada e não como um fato determinado. Além do mais, um nome dado por nossos pais, nem sempre é inspirado. Pode ter sido escolhido até de forma aleatória, por isso, os nomes iniciáticos, levam em conta grauas de vivência e o sobrenatural, não apenas nomes dados no nascimento. O dono de uma grande empresa, não ficou rico por causa do nome, caligrafia ou porque viu quem tem o número tal de destino. Até porque tudo é subjetivo, tanto por causa do calendário, quanto por causa da soma do alfabeto ou mesmo do nome que nos deram. Tem casos por exemplo, que a mãe deu um nome a um filho, mas, ao chegar no cartório, o tabelião relapso colocou letras a mais ou a menos, mas, isso, não mudou em nada a energia da pessoa. 

Então porque tanta gente quer fazer esses cursos de numerologia, se dizendo "maravilhados", passando meses de sua vida, com uma coisa que já está num software? Por 3 motivos principais: o primeiro e mais importante deles é por ganância, pois os marqueteiros desses cursos, pregam uma renda fantástica, como se todo profissional de uma área, pudesse ter o mesmo desempenho; segundo, o marketing de fato que faz com que as pessoas encham os olhos e a cabeça de ambição; e por fim, a falta de vontade analisar as coisas e por isso acabam engolindo lorotas, teorias e historinhas bonitas. As pessoas lotam igrejas como as do Valdemiro Santigo, do Malafaia, do Edir Macedo, dos cultos do Marcelo Rossi ou vão a Basílica no Vaticano, e mesmo a terreiros, nem sempre por causa da fé, por querer iluminação, mas, por que quer prosperidae. Elas acham que receberão alguma bênção pra ter riquezas e mais benefícios que os outros. 

E é por isso, que sempre vão contar histórias de riqueza, superação, milagres e privilégios nesses lugares. Tanto pra atiçar a curiosidade, quanto a inveja e a sede de poder. Da mesma forma, grande parte dos que se interessam pela numerologia, seja a dita pitagórica ou a suposta cabalística, é mais por um interesse comercial e movido por uma ideia de que uma ciência pura e simplesmente esotérica, seria uma ciência incontestável ou infalível. Mas, como já narrei aqui, não tem como ser tão precisa como pregam essas academias, tanto pela questão de calendário, quanto pela questão de alfabetos. Por exemplo, se você usar o calendário judaico ou de outros povos, vai dar a mesma numeração? Claro que não. Portanto é tudo balela. Não sabemos de fato em que ano da sociedade moderna nós estamos, já que os calendários foram mudados tantas vezes.

Não se ligue nessa lorota de nome bom ou ruim, nem em número de tabelas. As pessoas da era moderna, são pessoas perdidas que se impressionam com tudo que dizem e que elas querem ouvir. Lotam as igrejas feitas em toda esquina, lotam todo lugar que se conte uma história bonita e acham que pra mudar sua vida, sempre precisam de intermediários ou orientadores.  As pessoas que vão aos programas evangélicos de TV, contam histórias de superação e mudanças, como se a vida de todo mundo dependesse disso! A própria pessoa, pode se analisar sozinho, mudar de caminho como fez Buda e não precisa de pregadores, contando e recontando a história de patriarcas que viveram em outras realidades. Assim, você não precisa saber de um número fictício pra poder tentar se corrigir. Aliás todo estudo que você se identifica de cada, não serve. Quanto mais um estudo onde você conhece coisas novas e que não conseguia enxergar, é que vai servir pra seu carecimento. Então, um mapa montado por computador, se analisar a pessoa, só estatísticas inventadas, sempre vai surpreender a pessoa, pois cita centenas de verbos e frases, que sempre vai traduzir muito de todo mundo. Essa é a tática. Mas,  como eu disse, o ser humano nunca se reconhece, aliás, jamais admite seus erros, a não ser quando se menospreza ou se diminui por falsa modéstia. Então, quando lhe apresentam um estudo que você diz que bateu tudo com você, é sinal apenas de que você se enxerga daquele jeito e não quer dizer que realmente seja. Se fosse simples assim, não era tão difícil iniciar uma pessoa, tirar seus vícios e erros e iluminá-la. Enxergar nossos códigos é uma tarefa difícil, não pense que a numerologia calística, adaptada aqui do Brasil, vai conseguir fazer isso. Até porque a definição dos números, não funciona pra todo mundo da mesma forma. 

Se você fez um curso de numerologia cabalística ou um mapa e achou que sua vida mudou, ótimo! Escutamos isso nas igrejas, nos templos místicos e em todo canto, as pessoas precisam se agarrar em mestres e filosofias que elas consideram fantásticas. Mas, o que é fantástico de fato, não precisa de tanto marketing. O oculto que é sagrado, tem que ser buscado e acessado com sacrifício e não apenas digitando uma data de nascimento num software e saindo um resultado automático. A iniciação mágica e espiritual é pensa, trabalhosa e difícil demais. O Sagrado vai se revelando aos poucos, não num único mapa. E se a numerologia calística do Brasil nada tem haver com a Cabala como dizem, porque usam o nome da Kabalah? Se não acreditam em Deus, pra que usam salmos, anjos, orações, ritos sagrados e dão dicas sobe vidas passadas? Será que as vidas passadas também se processam de forma autotica acessando um portal num software de computador mandando a pessoa de volta a vida? É claro que Deus é o grande Senhor, ele que comanda tudo. E seus ministros, os Senhores do Destino, que moldam as almas e os corpos, conforme o carma e méritos, é que definem nosso destino. Grafados no livro da vida, com muito segredo e não em códigos simples de números que vão apenas de um até 9. E assim como não existe nomes bons e ruins, também não existem dias bons e ruins pra se nascer, apenas levando em conta o número da data de nascimento. Há sim uma configuração de fatores, como por exemplo as configurações zodiacais. Se o signo da pessoa é ruim, ela pode nascer no dia que o homem mais rico do mundo nasceu, que o destino dela continuará sendo ruim.

Na verdade, estudamos as ciências místicas não pra aprender em cursos rápidos, nem ficar inventando módulos supostamente avançados pra arrancar dinheiro das pessoas, ou fazendo mapas no computador. Estudamos pra ir evoluindo espiritualmente. O buscador do sagrado, sabe que essa vida é curta e que não é apenas o dinheiro que importa. Claro que precisamos do dinheiro, claro que buscamos por ele, mas, sem ser escravos dele ou tê-lo como meta principal. Ao atingir o conhecimento ele virá na hora certa! Não por mudar a placa do seu carro ou da sua casa que dinheiro irá chover do céu... Não é por mudar sua caligrafia e passar um pêndulo por cima que você vai virar um magnata. Aliás, a numerologia, deveria saber muito bem, que nem todo mundo nasceu pra ser rico, pois muitos nasceram pra cumprir variadas missões, como por exemplo, trabalhar pela cura do próximo, ser um sacerdote, ser um policial e assim por diante. Então você acha que mapas fabricados por um sistema adaptado de numerologia, vai ter a fórmula da riqueza pra todo mundo? Claro que não! Até porque a minha riqueza, pode nem ser dinheiro, mas, saúde ou força. Pode ser fama, pode ser sabedoria, pode ser força espiritual e assim por diante. Mas, é mais fácil e mais rentável pregar ganância, pois as pessoas crescem os olhos e querem trilhar os supostos caminhos de "facilidade".

Axé a todos!

Carlinhos Lima


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Seguidores

Seguidores

Marcadores

orixás (261) magia (257) espiritualidade (181) astrologia (165) (156) amor (118) Umbanda (116) umbanda astrológica (104) sexo (98) CONCEITOS (96) signos (95) Umbanda-Astrologica (93) religião (82) mulher (77) previsões (71) exu (64) conceito (59) pesquisas (58) 2016 (56) anjos (56) carma (52) comportamento (52) signo (52) destino (51) pombagira (51) candomblé (50) astral (49) mediunidade (47) Cabala (45) rituais (43) UMBANDA ASTROLOGICA (41) Astrofísica (38) poder (37) CONCEITOS DE UMBANDA - ASTROLOGICA (33) Livro (30) ancestrais (30) arcanos (30) sucesso (30) espaço (28) fé religião (27) odus (26) oxumaré (26) pesquisa (26) busca (25) comprendendo o simbolismo (25) desejo (25) magia sexual (25) sorte (25) estudos (24) oxum (24) vida (24) Ogum (23) deus (23) PESQUSAS DE UMBANDA ASTROLOGICA (22) ifá (22) pombagiras (22) sexualidade (22) proteção (21) anjo (20) horóscopo (20) protetores (20) energia (19) magos (19) orixas (19) Umbanda-Astrologiaca (18) baralho (18) oxalá (18) Iansã (17) brasil (17) sagrado (17) 2014 (16) Caminhos da fé (16) INICIAÇÃO (16) Obaluaê (16) Saturno (16) UMBANDA ASTROLOGICA E MAGIA (16) astros (16) Comportamento na vida (15) Xangô (15) ano (15) atriz (15) axé (15) dinheiro (15) jesus (15) livro de umbanda astrológica (15) mapa astral (15) CONCEITOS DE UMBANDA (14) Lua (14) Omulú (14) carma sexual (14) oráculos (14) terra (14) Guias (13) Júpiter (13) linhas (13) magia negra (13) odús (13) paixão (13) vibrações (13) Yorimá (12) mapa astrológico (12) ritual (12) 12 signos (11) Marte (11) Orumilá-Ifá (11) caminhos (11) conhecimento (11) nova era (11) planeta (11) Estudo (10) OS SENHORES DO DESTINO (10) REENCARNAÇÃO (10) bem estar (10) ciclos (10) céu (10) história (10) numerologia (10) oração (10) Astrônomos (9) Horóscopo Chinês (9) OFERENDA (9) anjo da guarda (9) clavículas de Salomão (9) estrela (9) luz (9) poderes (9) umbanda-astrológica (9) vibração (9) 72 anjos (8) Caboclos (8) ciência (8) cães (8) homem (8) mestres (8) obsessão (8) oraculo (8) pemba (8) Astronomia (7) CATIMBÓ (7) Era de Aquário (7) Macaco de Fogo (7) busca espiritual (7) cientistas (7) cosmos (7) dons (7) missão (7) solidão (7) agente do carma (6) arcanjos (6) astrólogos (6) chacras (6) essência (6) Câncer (5) EXU GUARDIAO (5) Escorpião (5) Mitologia (5) amarração (5) esquerda (5) feitiço (5) misterios (5) Linha do Destino (4) advinhação (4) ebós (4) era de Aquario (4) macumba (4) mapa astrologico (2)