Total de visualizações de página

Meus livros de Magia Astrológica no link

sábado, 24 de fevereiro de 2018

Umbanda Astrológica: A influência astrológica e dos orixás na vida das pessoas - parte 3

Foto reprodução da Web

Forças astrais e ancestrais, agindo sob os seres


A importância dos orixás que recebamos ou protetores divinos é tão grande que em momentos cruciais, vamos precisar deles! Um bom exemplo é o de Tobias, no momento certo o poderoso Arcanjo Rafael desceu do céu pra orientá-lo! Mas, prestou atenção na história? Como se deu essa ajuda? Como ele foi curado? Perceba que tudo tem um processo, uma busca, uma missão a ser cumprida! Por que um poderoso arcanjo não chegou e passou a mão curou e foi embora? Já que o Diabo fez justamente ao contrário? Por que as coisas ruins vem com maior facilidade! Portanto não se engane com esse milagres fáceis mostrados na TV, não se cura somente com o nome de Deus. Sabemos bem que seu nome tem sim muito poder, mas, o mandamento proíbe "não chamar o Santo Nome de Deus em Vão" mas, o que é em vão! Em vão é você pedir uma cura sem merecer, pedir riqueza sem merecer, pedir paz sem merecer! Tobias teve que viajar, salvar a viúva, cumprir seu papel pra só depois poder fazer o ritual. Essa historia de balançar cadeiras de rodas, mostrar essa tal "teologia da prosperidade" só por que se grita aleluia sectariamente, sei não...

A pessoa tem que aprender a interpretar traços, não sabemos bem quando uma pessoa é oriental, quando ela é africana ou alemã, e assim por diante! Vibrações dos orixás carregam traços fortes, na formação da fisionomia, que são mescladas pela entidade de frente, com pai e mãe de cabeça, mais o orixá de cabeça! Atentai bem, o orixá de cabeça, não é o mesmo par vibratória pai e mãe de cabeça não! O bom mago, sabe observar, ser observador é o principal quesito do mago! Ele observa os traços, mas, o foco dele é outro, que parte do prisma da aparecia, mas, afunila em direção da alma, já acertei muitas vibrações com essa observação. Não saberia ensinar isso, é um dom natural, é intuitivo, não se se paranormal ou paranoia, kkk, mas, funciona...

Uma coisa que precisamos compreender atua justamente em cima de um famoso ditado popular: "Deus dá o frio conforme a coberta"! Pois é na espiritualidade é justamente a mesma coisa - Recebemos um anjo da guarda em cada fase de nossa vida, conforme nossa necessidade. Não vamos receber um orixá da arte por exemplo se nossos dons ancestrais são de agricultura, de guerra ou de medicina! Até podemos mesclar, fazendo arte com frutas e verduras, mas, o intuito de nossa coroa não será essa! Até poderíamos fazer uma exposição de fotos ou pinturas com o que veríamos na guerra, mas, a missão pessoal não é essa... 

 Acesse as outras partes:

Umbanda Astrológica: A influência astrológica e dos orixás na vida das pessoas - parte 2

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores