Total de visualizações de página

A pombagira

Meus livros de Magia Astrológica no link

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Carma sexual e magia sexual - a ação das forças ancestrais

Carma sexual e magia sexual
Pombagiras - carma e magia sexual

As Pombagiras - Entidades sempre incompreendidas


Eu já falei muito de pombagiras aqui, de Esquerda e de Exu, mas, é sempre preciso falar sobre o tema que assusta muitos, confunde a maioria e tem talvez uma das maiores importâncias não só na magia sexual, mas, na busca pela compreensão do karma sexual, amoroso e de muitos mistérios velados do ciclo reencarnatório. Ainda mais que há tanta baboseira publicada sobre o tema, tanto por umbandistas ultrapassados, míopes e cegos, quanto por supostos quimbandeiros que só sabem fazer patacoadas.

Pra começar, falsos puritanos e reformadores dos cultos afrobrasileiros, também num caráter machista ou paternalista, reduziu muito a ação dos orixás femininos e em se tratando de Pombagira, foi ainda mais drástica essa decisão. Pra começar, no meio de 7 vibrações de Exus, apenas uma vibração foi dada a ela. Segundo lhe conferiram um caráter de Kiumba ou de Egun apenas, quando na verdade ela faz parte da mesma vibração de Exu, ou seja, é a parte feminina de Exu. Assim está em todas as linhas e vibrações, tem graus variados e ciclos da mesma forma que Exu. E tem pombagiras que comandam os raios que nunca encarnaram, da mesma forma de Exu, tem as ancestrais, mas, tem também as entidades cósmicas de Pombagira. Além disso, seu papel não é exclusivamente pra área sexual, apesar de ser a área mais importante de sua atuação. Ou seja, sua ligação é com o sexo, mas, não só com ele, pois este tema se liga a diversos outros, por conexões finas e importantes. Como por exemplo, o dinheiro, a saúde, o trabalho ou a família. Assim uma mulher que tem uma pombagira forte do seu lado, não quer dizer que o foco dela seja o sexo ou que seus problemas seja exclusivamente ligados a sexo. Pode ser de saúde, de dinheiro ou de  qualquer outra área. Portanto, quando se fala em pombagira, não atribua a ela, apenas o caráter sexual. Tenta compreender sua linha e qual sua missão neste mundo.

Quem tem uma entidade forte de Esquerda, tem uma de Direita que contrapõe e equilibra as forças. Assim por exempo, tem pessoas que tem uma Pombagira Cigana e que tenta colocar nos ombros dessa entidade a culpa ou a esperança de tudo. Quando na verdade ela também ao ter uma pombagira cigana, também tem uma Entidade Cigana de Direta, que atua no equilíbrio do Cárma e do Dharma. E por isso muitas pessoas não se saem bem, com a magia sexual, pois tratam de um lado e esquecem ou ignoram o outro. Tem pessoas que gastam uma nota preta, induzidos por esses puritanos que se dizem "apenas de Direita" e nunca conseguem nada  pois não tratam de sua ancestralidade de Esquerda. Por isso evitem falos mestres ou líderes hipócritas que pouco entendem de magia e ancestralidade. Em meu livro de Umbanda Astrológica, OS SENHORES DO DESTINO E A COROA ASTROLÓGICA DE ORUMILÁ, tem um capítulo especial sobre Pombagiras, assim também como um que trata de Exu, desde os exus cósmicos, quanto os ancestrais, os mais antigos e os mais recentes. Leia o livro e entenda mais sobre eles.

Carlinhos Lima

As forças astrológicas, espirituais e ancestrais que agem em nossa vida

O Astral e o Espiritual agindo sobre nós

Somos regidos por forças poderosas

As pessoas que acreditam em signos, influências astrais, espirituais, dos orixás ou que buscam respostas nas ciências ocultas, costumam em sua imensa maioria ter uma visão limitada, distorcida ou míope sobre o assunto. Em matéria de signos por exemplo, mesmo quem diz acreditar costuma ler seu horóscopo em revistas, jornais ou ouvir no rádio e TV, pensando que ela tem a influência apenas do signo solar. Esse tipo de horóscopo poular, serviu muito a manter a astrologia viva através dos tempos. No entanto, é muito limitadora do potencial real dessa fantástica ciência divinatória. E essa visão bem reduzida dos assuntos ocorre em diversos seguimentos. Até mesmo quem se diz supersticioso as vezes teme o que sequer conhece ou sabe o que é, da mesma forma, que quem diz não acreditar, apenas repudia, sem também buscar compreender o por quê de qualquer crença.

Até mesmo entre os adeptos do culto aos orixás, a confusão é imensa, desde aqueles que confundem Umbanda com Espiritismo, aos que acham que orixás são apenas espíritos de mortos, como também os que afirma de pés juntos que os orixás são apenas 7 ou 7 linhas! Tem ai também os que ainda teimam que somos regidos por um único orixá, como também os que sufocam o orixá com a imagem de um Santo, por causa do sincretismo e do preconceito aos cultos ancestrais, por que tanta lavagem nas ideias das pessoas, lhes são inseridas ideais ou ideias que afirmam por exemplo, que a Bíblia é a "palavra de Deus", que apenas o Deus dos Hebreus é o verdadeiro Deus, que o Cristianismo seria a religião correta e assim por diante.

E assim as pessoas vão seguindo sem estudar, sem buscar respostas, seguindo pregadores também cegos ou teimosos, afundando assim cada vez mais a verdadeira tradição dos ancestrais. Tem também os que se afogam em fanatismo, apostando numa fé louca de que só por ir a um  terreiro ou se curvar diante do orixá, seus problemas se cessarão num passe de mágica e os que ficam tão fanáticos que querem ditar sua vida pelas regras dos pais de santo e consultando os orixás e guias incansavelmente. Tem os que abusam do Tarô, consultando tanto que as cartas se derretem em sua mão. Os que olham a posição dos astros o tempo todo, os que jogam os búzios como se tivessem usando um celular e muitos outros abusos. Assim essas pessoas abusam demais, não são ouvidas pelo Astral Superior e depois se frustram por causa de tamanha falta de prudência ai passam a uma nova fase. Se "convertem" a uma seita qualquer e passam a bombardear de críticas as religiões que antes professavam.

As pessoas precisam compreender que até os orixás e anjos obedecem as ordens das Hierarquias Superiores e do Criador e não vão ficar o tempo todo como se fossem fantoches nas mãos de quem quer que seja. Vivemos ciclos, etapas importantes, metas, missões, graus e ordens, que devem ser cumpridas. Porém a forma que nos aplicamos e nos interligamos ao astral superior, pode gerar uma fase de sucesso ou decadência. Por isso quem busca o conhecimento e a sabedoria, vai olhar com os olhos do mago e não do bruxo insano. Vai olhar com o olhar do prudente e não do insano egoísta que só quer tirar proveito.

No livro OS SENHORES DO DESTINO E A COROA ASTROLÓGICA DE ORUMILA, um tratado de Umbanda Astrológica, sobre a interação do Destino com o Livre-arbítrio, na vida do homem, há a citação sobre ciclos importantes como o de Orumila, de Exú e de que forma eles se revelam e agem em fases importantes da nossa vida. No livro também você vai encontrar a citação sobre o livro da vida que considero a "Bíblia dos Orixás" o Ifá, o jogo divinatório do grande orixá do destino Orumilá. Assim como formar sua conta e achar odus que agem na sua vida pela soma da data de nascimento, ou da montagem da carta natal na Astrologia. 

O importante é termos a consciência que forças poderosas agem sempre nos planos inferiores e superiores, agem sobre nós pelo Inconsciente Coletivo ou individual, como também pela nossa consciência e subconsciente. Toda essa interação com nossa índole e instintos, vão formando nossa trajetória nessa vida.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores