Total de visualizações de página

Meus livros de Magia Astrológica no link

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Todos estamos suscetíveis ao erro e ao pecado. Mas, Deus tem conforme seus planos os seus escolhidos para as missões importantes

Sabemos bem que existem pessoas distintas, tanto para o bem, quanto para o mal! Deus tem seus escolhidos, não como uma forma de injustiça, mas, de projeto divino e assim é que a justiça cósmica opera. Tem pessoas que nascem conforme seus pecados de outras épocas, pra fazer o mal e cumprir missões, como foi o caso de Judas, Dalila, Absalão e Caim. Esses princípios cármicos são previstos nos odús que falam de cada individuo criado. Alguns nascem pra ser bombeiros por exemplo, salvar vidas e ser heróis, enquanto outros nascem pra atear fogo, matar inocentes e destruir... Tudo tem haver com a sina, com instintos e com alma reencarnada. Por isso o principio da reencarnação é tão claro. Mas, não é claro pra mim todos os conceitos que Kardec definiu não, na verdade discordo de boa parte deles... Mas, essa é outra questão, o que quero afirmar aqui é que Jesus e seus discípulos a mesa, mostra claramente a benevolência e escolha de João como o Apóstolo amado, enquanto Judas o traidor, cumpre um papel odiado por todos, mas, de extrema relevância. Nunca sabemos o porque de cada ação, mas, cada reação tem um principio dentro do projeto divino...

Judas deixa a Última Ceia. A Última Ceia mostra o zodíaco doze com Jesus, o décimo terceiro messiânica perigoso. Judas é "escolhido" por Jesus para traí-lo, "para que a Escritura se cumprisse." (Jn.13.11 ,18,21-30; Mt.26.20-25; Mk.14.17-21;. Lc 22,21-23) Como as Doze Tribos de Israel, os discípulos Doze representam o círculo dos doze signos. Judas Iscariotes ecoa o nome eo destino de Cristo, pendurado na árvore. Judas representa o lado oposto os dois peixes, o anticristo inevitável, insistentemente listada por último entre os Doze, obscuramente destaque, o traidor. Este é o significado do símbolo de Peixes, a volta para trás Fishes, uma dualidade traiçoeiramente profundo. No Manuscritos do Mar Morto veremos Judas muito mais perto de Jesus, seu duplo divino, que é de todo confortável. O décimo segundo signo, Peixes, define a Chave das Casas do horóscopo. Juntamente com a alta santidade de segredos discretos e lugares sagrados, cuidado e compaixão, a décima segunda Assembleia também está associada com o lado mais profundo, mais escuro do nosso segredo, vida interior: traição e auto-destruição, o suicídio. O destino predestinado de Judas. (Atos 1.16)

E assim com Judas, Dalila ou Caim, todos nós também temos o nosso lado escuro, contrário ou dificil de entender. Por isso, a nossa tarefa nessa encarnação é tentar a iluminação. Ou seja, alcançar a compreensão sobre tudo que nos perturba e nos desafia.  Cada Doze espiritual representa os sinais celestes que englobam o nosso mundo. Esse paralelo tradicional dos Doze Apóstolos e os Doze Tribos é destacado, posto no céu, (Lc 22,30), em estreita proximidade com a definição cabalística caráter de Judas.

Esta identidade tradicional é repetida, de forma mais explícita, ainda assim, na visão cabalística supremo do Apocalipse (Ch.21), onde a Cidade de Deus é construído com a regra do zodíaco dos Doze: "doze mil estádios, seu comprimento e largura e altura são iguais. Sua parede é 144 côvados de altura. " Inocentemente insistindo que o caráter simbólico deste número. Quando encontramos os 144.000 no final (14.1) podemos reconhecer um simbolismo espiritual semelhante, como uma medida da plenitude do zodíaco? Basta fazer o seu melhor, não o pior, provavelmente. O zodíaco é construído a partir dos quatro elementos: terra, ar, fogo e água, divididos em três etapas ea cidade fica quadrangular com três portas em cada sentido. À medida que os budistas tibetanos pintar suas mandalas, que representam estes mesmos elementos. Não há nada de novo sob este sol.

As doze portas são nomeados para as doze tribos e os doze fundamentos para os Doze Apóstolos. Os doze fundamentos são "enfeitada" com doze pedras astrológicos, 'o décimo segundo, uma ametista,' um charme antigo contra os vícios da videira: a gema Peixes (ver o casamento em Caná ). Apenas alguns exemplos estão escritas claramente: Judas, provavelmente 'Dúvida' Thomas, Dídimo, (Gêmeos é o signo de Gêmeos, a dualidade de dúvida) e Simon que é dado o nome de Cefas ou Pedro, a Rocha, simbolizando o poderoso espírito de Capricórnio, a cabra, a essência da Criação, a Igreja, sem omitir o lado mais sombrio da  com cheiro de bode o Diabo .

 Assim como Pedro o escolhido, pecou ao negar o Cristo e antes irritou Jesus, ao duvidar de sua missão, quando Jesus disse "retira-te Satanás", também vimos que Davi, Salomão (o grande sábio) e muitos outros escolhidos também erraram. Ou seja, todo mundo tá suscetível ao erro, ao pecado e a cair. Somos humanos. E da mesma forma, os signos não são nem bons e nem ruins, todos tem características, negativas e positivas, sendo as configurações de cada mapa que revelarão a proporção de cada parte. Se predominar a maldade, ai ele é negativo, se predominar a bondade ai ele é positivo e se for neutro, o caminho é talvez até mais díficil. Mas, olhando pelo prisma esoterico, nem o negativo pode ser considerado mau, nem o positivo bom, tudo depende de um contexto maior. Ou seja, a vida é feita de fases, ciclos e missões.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores