Total de visualizações de página

quarta-feira, 19 de março de 2014

O Portal Zodiacal 2014: Abertura do Ano Astrológico de Xangô




Estava eu escrevendo sobre o novo Ano Astrológico 2014, quando liguei a TV Senado e vi o Senador Aécio Neves, fazendo um discurso duro contra o escandaloso episódio da compra injustificável da refinaria. E me dei mais conta de como será difícil ou muito mais difícil este ano para o governo! Apesar do clima de "já ganhou" do PT, a verdade é que a realidade é bem diferente! E nem tivemos ainda as campanhas, nomes e coligações definidos. Além disso, muitos assuntos complexos vão caindo no colo da Dilma que se mostra cada vez mais perdida no palácio do planalto que acima de tudo, parece está muito mal assessorada, tanto politicamente, quanto técnicamente...



Bem, este ano que abre as portas nesse dia 20 de março às 13hs56 de Brasília, com o Sol na nona casa e Câncer no Ascendente. Mas, os aspectos formados é que nos chamam mais atenção até do que as posições dos signos em si. Um aspecto que nos chama muita atenção é a quadratura T formada por Júpiter em Oposição a Plutão, onde ambos quadram Urano. Portanto, sendo Urano o astro que predomina nesse aspecto. Sendo este último o planeta focal, mostra-nos que vivemos num tempo de agitação febril e revolucionário e isso vai afetar os governantes, ainda mais agora quando se aproxima o Sol dele Urano.

E para nós aqui no Brasil ele atua na casa 9, dificultando a comunicação entre governo e congresso, como também com o povo! Urano passou a Áries, o signo do pioneirismo, da vanguarda e da guerra, da ação, adicionando mais tecnologia, eletricidade e energia nuclear – atributos que representa - a disposição da indústria bélica. Aries, sendo um signo de individualidade, tem interesses conflituosos com Capricórnio, que representa a lei, a ordem, o interesse do Estado – considerando ou não que este Estado seja a representação autorizada da vontade de muitos, mas tbem da elite do poder constituído. Até porque, Urano inflama todas as classes, dificulta a comunicação do governo com o povo, além de incentivar a inflação e colocar pólvora em qualquer boato que apareça.


Esse T formado pelos 3 astros citados acima,  com Júpiter em Câncer apontando os valores tradicionais que buscamos, como por exemplo, segurança no clã e da família, em resposta à crise econômica marcada por Plutão em Capricórnio, exige das pessoas pra se livrar da mão pesada do Senhor do mundo obscuro (Hades), que elas tenham generosidade, sirvam umas as outras e evitem manipulações. Pois é isso que Júpiter exaltado exige de nós. Que os líderes sejam honestos, sinceros e pensem no bem da maioria e da nação como um todo. Por isso erros do governo não serão tolerados facilmente. De cabeça também serve, políticos e poderosos que se opõem ao desenvolvimento ou dificultam o crescimento das famílias. Júpiter em Câncer, além dessas exigências citadas acima, também pede que as bases da economia sejam reforçadas, que as bases da política sejam reformuladas e que a equipe econômica do Brasil, faça os ajustes necessários pra evitar as perdas do país. A quadratura envolvendo, Plutão e Urano, revela-nos um poder que torna-se totalitário e extremista, assim o governo pode ser visto pelas massas como se tornando ditatorial. Júpiter exagera tudo e a linha de fundo corresponde aos tempos turbulentos em que vivemos.

Urano, gerando ainda, dissidência, revoluções, levantes. Plutão gera lutas de poder e corrupção, ou joga a tona, assuntos escondidos, referentes a corrupção e prejuízos ao país. E ainda, tendências destrutivas e totalitários. Já Júpiter alguns resíduos, alguns fanatismo nacionalista. Disso eu já falei antes, no entanto e infelizmente essas tendências nos acompanhará até março de 2015. Considere os locais mais afetados pela Praça T. Já Marte um outro planeta enérgico e agressivo, permanece retrógrado até 19 de maio. A retrogradação é uma espécie de retrocesso, uma segurada, tudo com que Marte - o planeta da ação e do impulso - não lida bem. Ainda mais que ele está fraco no signo de Libra, pertinho da Cabeça do Dragão e desfavorecendo, governos, como também autoridades e executivos de grandes empresas. E no mapa do Brasil ele está atuando na casa 9, dificultando também a comunicação do governo, especialmente com os aliados do Congresso e também complicando sua política exterior. Em especial, com nações em conflito. Sendo que assim que tomar seu movimento direto, Marte buscará o retorno na carta do Brasil.
E o primeiro sintoma ligado a essa frustração da natureza essencial do planeta vermelho é o aumento da irritabilidade, podendo gerar desentendimentos, com risco de grandes brigas. Marte é um soldado, lutador, engenheiro, esportes e não é à toa que a Copa do mundo é em 2014 com marte retrógrado. É da casta guerreira. Marte em Libra vai fazer um aspecto com Saturno e rahu, sendo um período explosivo na política, as pessoas revoltadas, nas ruas muito protesto. Libra representa a democracia, os advogados, disputas. Ligado a relacionamentos explosivos. Mas, muitos homens, podem se sentir lerdos, com pouca energia, mas retrógrado vai exigir uma atitude na vida. Marte faz você consertar os relacionamentos. Pode dar problemas em casamentos e parcerias. Possibilidade de separações aumentarem. Por isso, será importante nós pensarmos duas vezes antes de comprarmos um conflito. Acalmar os ânimos e ter frieza para administrar divergências, no entanto, não vai ser nada fácil e irá requerer boas doses de autocontrole.

Saturno ainda transitando por Escorpião, signo de poder para o Brasil, de governo e de decisões, soma-se a influência astrológica que a quadratura Urano-Plutão, vigente até o final de 2015, responsável pela grande revolução social que estamos vivendo, e a de Netuno, que ingressou em Peixes (no ano de 2011), para ficar 14 anos neste signo - um posicionamento que produz um profundo questionamento coletivo em relação a desníveis e injustiças.

Também vemos que as famílias e as pessoas sofrem com o peso da inflação, ataques da violência e do crime as sociedade até março de 2015, pois a a Lua conjunta com Saturno, além de entrar o ano astrológico em queda, ainda tem uma indisposição com Vênus. Assim é bom para as pessoas, famílias, muito controle e buscar harmonia. Pode haver muito estupros nesse ano, especialmente garotas, podem ser atacadas dentro de casa. O sesquisquare entre o Sol e a Lua indica que os governantes devem buscar sintonizar-se muito mais com o povo. No entanto, Netuno em Peixes trígono Júpiter traz coisas muito positivas. Netuno traz espiritualidade, sensibilidade, intuição, compaixão, criatividade artística, criativa fantasia. Socialdemocratas favorece tendências, embora também possa estar faltando discernimento lógico.

Saturno em Escorpião em trígono com Júpiter em Câncer até 16 de Julho de 2014, só dará solidez e longevidade aquilo que estiver amparado por realismo e consciência, individual e universal.Na vida pessoal, todas estas influências têm obrigado as pessoas a enxergarem e enfrentarem seus problemas, procurando novas abordagens e mudanças. Saturno em Escorpião favorece a manifestação de crises. Apesar disso parecer negativo, quando a crise emerge com força acaba nos obrigando a nos mexer e procurar pela cura ou solução do problema. Ou seja, ela tem um efeito mobilizador. Para muita gente 2014 será um tempo de curar, regenerar, reconstruir e também perseverar. Só sairá da crise quem fizer por onde.

Júpiter em Câncer nos indica um ano em que vamos ou devemos fincar, reajustar, corrigir, avaliar ou fortificar nossas bases, fazer nossas escolhas de convívio afetivo e profissional. E acima de tudo bases familiares. Júpiter está associado à sorte e a expansão e Câncer é a base emocional, a família e a capacidade de dar e receber afeto. Júpiter, regente de Sagitário e corregente de Peixes, é o otimismo, o bom humor, a expansão da consciência, o desenvolvimento da visão através do conhecimento e das regras de bom convívio, a ética e as leis. Júpiter representa os códigos sociais que possibilitam o convívio humano justo, que distribuem as benesses e a felicidade idealizada para todos, que elimina a violência, a hipocrisia e o desrespeito. Sagitário é o conhecimento e o raciocínio em alto nível, Peixes o amor transcendental, a evolução espiritual, o fim que prepara os novos começos que se dão em Áries, o senhor das explosões, da penetração e da fecundação de tudo que vive e acontece.

O planeta Júpiter tem grande afinidade com o signo de Câncer, pois neste signo expande o afeto, o sentimento, a vontade de ter/manter um par, os vínculos. Faz valorizar a família, a casa, a vida privada e o mundo interior. Cria nas pessoas um desejo maior de estarem bem, ao invés de só parecerem bem. Por este motivo, Câncer é considerado a exaltação do planeta Júpiter (este é o nome dado para quando um planeta fica muito bem em um determinado signo), porque nos faz buscar os verdadeiros valores e o bem-estar. Júpiter entrou em Câncer em 2013. Júpiter, por onde anda, mostra o que a comunidade está representando como ideal, ‘o máximo’, aquilo que todos tem. Câncer é o cuidado, conforto, mães e crianças, água e fontes de água. De todos os astros de impacto coletivo, Júpiter é o que mais força construtiva tem, até julho próximo, quando então entrará em Leão, agudizando ainda mais as contradições atuais. Em Câncer, até lá, ele está exaltado.

Em 2014 teremos além de Júpiter em Câncer até a metade do ano quando entra em Leão expandindo as individualidades, as originalidades e a necessidade de sermos únicos dentro do coletivo, e com isto carregar o amor e o respeito que queremos para nós, para o tratamento ao outro e a todos. Estas serão as bases para que se tenha um ano com fundações sólidas e visibilidade para o que viemos projetando desde meados de 2013, passando por vários momentos difíceis com as quadraturas de Urano e Plutão e a oposição de Júpiter a Plutão. Toda essa energia astrológica, revelou-nos que num ano de Xangô, com influência de Iemanjá e interferência de Nanã, associada a Obaluaê, refinando o carma, as bases não só física, como também as emocionais, tem que está sempre fortificadas.

Como Júpiter em Câncer favorece os vínculos, solteiros querendo encontrar um relacionamento não deverão se acomodar agora, e sim sair em busca do preenchimento que tanto anseiam. Trata-se, também, de uma grande época para o crescimento emocional. No entanto, essa oportunidade só estará disponível para quem estiver disposto a se abastecer interiormente de novas ideias e valores, procurando livros, cursos ou terapia que ajudem nesta tarefa. Júpiter vai ficar em Câncer até meados de julho de 2014.

Saturno, outro planeta poderoso e provador, em Escorpião desde outubro de 2012 impõe a restrição dos recursos financeiros, reduz o movimento das transações comerciais, interbancárias, e até setembro de 2015 traz consciência da escassez e necessidade de gerenciar melhor os recursos comuns, os investimentos pessoais caindo para segundo ou terceiro lugar, com o consumo de bens não essenciais. Escorpião também é um signo de poder e de política, que participa com Plutão em Capricórnio de um reforço das instituições, do estado, e do poder. O que quer dizer, muita dificuldade pra que é responsável direto por todos os poderes. Desde o governo, a judiciário e congresso. Só que fase mais forte, foi de agosto a outubro de 2013, já passou muito, mas, ainda age de certa forma em refinamento a todos os poderes.

Em tempos de Urano, regente de Aquário, em Áries, precisamos mudar nossas atitudes, o nosso comportamento e ações. De nada adianta sonharmos com um mundo melhor, coisas boas, saúde, felicidade e fartura, se muitos de nós morrem de desrespeito, egoísmo, vaidade e soberba. Dinheiro se ganha, gasta, perde, o que fica é a estrutura psíquica dos amados e educados no respeito e no comprometimento com a sua vida, e com toda vida que há em volta. No conhecimento adiquirido e disponibilizado para todos. Se queremos um amor devemos nos perguntar se amamos o nosso próximo, mas os bem próximos, nós mesmos e depois nossos filhos, o que fizemos por sua educação e estabilidade emocional e afetiva, para que sejam adultos seguros, fortes e corajosos. Só o amor pode nos dar isto, e nada mais.

A partir de 16 de julho de 2014, Júpiter ingressa em Leão, onde permanecerá durante um ano. Sendo Leão o signo dos filhos, veremos uma época na qual muita gente terá vontade de ser pai ou mãe pela primeira vez, ou encomendar mais um rebento. As pessoas também vão desejar mais alegria e vibração em suas vidas, por isso os serviços, locais e empreendimentos de lazer serão muito mais procurados e valorizados. Em 2014 temos a conjuntura de fundo acirrada pela longa passagem de Marte, planeta de guerra e de confronto, pelo diplomático Libra. Por seis meses o astro ficará neste signo, tentando ajustes diplomáticos onde é impossível, e com isso enfraquecendo seu poder de ataque. Adiam-se os confrontos mais ainda a partir de março, quando Marte entra em retrogradação, trazendo apenas para a linha de frente os confrontos que não foram resolvidos há dois ou três anos, em nível internaciona.

Em termos de negócios, o posicionamento de Júpiter num signo de fogo, ainda mais sendo o de Leão, é propício para o lançamento de novos talentos e de toda a indústria do entretenimento (cinema, música, teatro), do ramo da estética, das casas de festas ou noturnas, assim como lotéricas, fotografia, produtos e serviços voltados para o universo infantil, salões de beleza, lojas de roupas, artigos de luxo, entre outros. Em termos pessoais, o mote de Júpiter em Leão é a busca por autorrealização, por expressar quem se é. Para tanto, será preciso colocar a criatividade para fora, expor os próprios talentos, acreditar mais em si mesmo e procurar realizar projetos pessoais há muito alimentados.

E já no mês de abril teremos aspectos importantes e fortes. Tende a ser assim um ano astrológico de aumento da natalidade, crescimento da arte e da atividade sexual. Mas, também um ano onde as pessoas ganham peso com maior facilidade, por isso é muito bom ter uma dieta balanceada. Não será surpresa, inclusive, se muita gente aproveitar a passagem de Júpiter pelo signo regido pelo Sol para dar uma repaginada no visual. A vaidade estará em alta! Júpiter em Leão também faz acordar nossa criança interior, que está sempre em busca de felicidade e encantamento. Por isso, se você quer fazer uma viagem incrível, pode pensar nesta época. Se tem filhos crianças, também terá um ano, a partir de julho de 2014, para estar mais com eles e ser mais criativo na forma de educá-los e envolvê-los na vida.

Já em relação ao mapa do Brasil, o que mais chama a atenção na superposição dos mapas, porem, é a conjunção de Saturno com Lua, que dará a todo o ciclo a qualidade de refreamento e cautela em relação a gastos financeiros. Saturno ali cravado no Meio-Céu dá a impressão de que haverá controle da atividade do núcleo de poder. Pode ser um refreamento do poder, por motivos financeiros – afinal Escorpião tem a ver com dinheiro de muita gente. Vemos no enfoque a Escorpião, que além de foco no sistema financeiro, há também dificuldade da Dilma e seus assesores de gerenciar as crises que vão surgindo. Como este signo é um signo de morte, poderemos ter morte de pessoas poderosas nesse ano, talvez até ligadas aos poderes da república e ao governo.  Mortes e perdas são temas em pauta, para resumir, e alocação de recursos públicos – dois temas caros a Escorpião, serão de proa durante todo o período de vigência do ano astral – de março 2014 a março 2015. Creio que será um ciclo de mortes e perdas importantes para o Brasil – Saturno fecha um ciclo de poder então creio que devem ir para o andar de cima figuras que fazem parte da estrutura de conservação do jogo politico.

Dizemos que abril será um mês de inúmeros desafios: geopolíticos, climáticos, políticos e econômicos, ao redor do mundo e não apenas no Brasil. Por aqui, o que nos parece mais digno de nota em abril é o ataque frontal ao governo e as investidas que o núcleo de poder sofrerá. A ponto de ter de negociar pontos e recuar em acordos e políticas – recuar e recuar, para garantir, por exemplo, um arco de alianças nos partidos e no Congresso, mais efetivo, em setembro. É esperado que eventos fora de nosso controle ocorram em abril. O eclipse lunar total que ativa os últimos graus de Áries exporá crises nos setores industriais e nas forças armadas. Mas o pior mesmo é o recrudescimento da violência, típico do signo de Áries, onde se encontra Urano, o fragmentador. Realmente, como diz uma amiga astróloga, abril está de chorar! Antes de mais nada, contexto difícil de abril já mostra a tendência a guerra e violência indiscriminadas e fora de controle – Plutão, Urano e Júpiter envolvidos em uma T-square explosiva, tensa, sem saída. Dois eclipses de 2014 ativam alguns setores específicos do mapa do Brasil, e são os que mais trazem informações importantes. Os outros dois caem em setores tangenciais e não impactam tanto o pais.

O outro eclipse que tem certo impacto no Brasil acontece em 23 de outubro, com Vênus envolvida no grau do eclipse, que ativa justamente o Marte em Escorpião do Brasil! Me pareceu bem importante este evento. Marte como se sabe é o regente universal das F Armadas e de todos os aparatos de controle e ataque do Estado – de qualquer estado. Porem, dada a especificidade do mapa do Grito da Independencia, é justamente Marte quem governo o núcleo de poder politico e deliberativo, posto que o Meio-Céu está em Escorpião. Duplamente importante, portanto, este eclipse. O que acontece no primeiro semestre é que Júpiter-Urano-Plutão em quadratura aumentam tensão sem dar chance de saída, e de abril a julho Marte, o astro da guerra e do conflito, acirram o T-square, impulsionando ‘solucoes’ violentas – do tipo fazer justiça com as próprias mãos. Marte é um deus pouco civilizado e mal humorado, embora os romanos o tenham tido em alta conta, os gregos não curtiam muito a natureza tosca e animalesca dele. Considerando o estado cósmico do planeta, ou seja, exilado em Libra, o planeta dá sempre o pior de si: prender gente em poste, bater até matar em gente que não pode se defender.

Na primeira semana de agosto Marte se alinha a Netuno, o que pode ser um momento de mais sensibilidade, e em seguida forma sextil com Plutão, reforçando politicas de controle, mas de um jeito tipo rolo compressor, não é bacana... no fim de agosto temos Marte em conjunção a Saturno em Escorpião, la no Meio-Céu do Brasil, o que é digno de nota – de novo as tendências restritivas e de controle do poder do núcleo de governo. Tem gente que acha que pode haver golpe militar num contexto destes, mas duvido – a não ser que Urano se mostre tão amalucado pelas ruas do Brasil que force uma solução militarista. Mas não é o caso, não há clima, nem arcabouço histórico para tanto. Abril, maio, junho temos o T-square ativado por Marte, e no fim de julho Marte passa a Escorpião, recuperando seu melhor funcionamento, e Júpiter entra em Leão. Os mercados irão se retrair muito depois de março, e assim ficam até o fim do ano, poucos investimentos, poucos ganhos, e aumento da taxa de desemprego e provável inflação no Brasil, que andarão de par com os episódios de violência e destrutividade anunciadas por Urano-Plutão. Em setembro ocorre o fortalecimento da fragmentação uraniana, com Júpiter em Leão em sextil a ele – ser rebelde fica na moda! Especialmente os movimentos de Urano e Júpiter indicam tais condições geográficas complicadas. Plutão rege o petróleo e os derivados, Urano as energias de fonte nuclear, elétrica (água) e Netuno oceanos, drogas e epidemias.

Como Urano é relacionado com os sistemas abstratos do pensamento e com a procura de ideais que deem sentido à existência, e Plutão significa controle e poder que exercemos a fim de manter os padrões habituais do pensamento e de ação, assistimos como conseqüência à tensão a muitas ações extremistas que são executadas violenta e abruptamente, a fim de se modificar completamente a vida das pessoas. Essa compulsão de "mudar o mundo" pode não ter um direcionamento certo, um rumo preciso, porém, ela age no coletivo de forma altamente destrutiva. Os meses de abril e de outubro tendem a ser muito importantes, pois neles teremos eclipses que envolvem justamente a questão da individualidade e dos relacionamentos, em abril (como encontrar um equilíbrio, harmonização). E em outubro a ênfase é sobre como unir potenciais e recursos, transformando as pessoas envolvidas. E Netuno segue o seu movimento em Peixes, ressaltando a importância da conexão com o sagrado, a espiritualidade e os movimentos artísticos, culturais, sociais.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Seguidores

Seguir por Email

Seguidores

Marcadores

orixás (257) magia (252) espiritualidade (180) astrologia (163) (151) Umbanda (113) amor (111) umbanda astrológica (103) sexo (97) CONCEITOS (96) Umbanda-Astrologica (93) signos (91) religião (78) mulher (76) previsões (70) exu (64) conceito (58) pesquisas (58) 2016 (56) anjos (56) carma (51) comportamento (51) pombagira (51) signo (51) destino (50) astral (49) candomblé (48) mediunidade (47) Cabala (44) rituais (43) UMBANDA ASTROLOGICA (40) Astrofísica (38) poder (35) CONCEITOS DE UMBANDA - ASTROLOGICA (33) ancestrais (30) arcanos (30) Livro (29) sucesso (29) espaço (28) fé religião (27) oxumaré (26) pesquisa (26) busca (25) comprendendo o simbolismo (25) desejo (25) odus (25) sorte (25) estudos (24) magia sexual (24) oxum (24) Ogum (23) deus (23) vida (23) PESQUSAS DE UMBANDA ASTROLOGICA (22) pombagiras (22) sexualidade (22) ifá (21) proteção (21) anjo (20) horóscopo (20) protetores (20) energia (19) orixas (19) Umbanda-Astrologiaca (18) baralho (18) magos (18) oxalá (18) Iansã (17) 2014 (16) Caminhos da fé (16) INICIAÇÃO (16) Obaluaê (16) Saturno (16) UMBANDA ASTROLOGICA E MAGIA (16) astros (16) brasil (16) sagrado (16) Comportamento na vida (15) ano (15) atriz (15) axé (15) jesus (15) livro de umbanda astrológica (15) mapa astral (15) CONCEITOS DE UMBANDA (14) Lua (14) Omulú (14) Xangô (14) carma sexual (14) dinheiro (14) oráculos (14) terra (14) magia negra (13) odús (13) paixão (13) vibrações (13) Guias (12) Júpiter (12) Yorimá (12) linhas (12) ritual (12) 12 signos (11) Marte (11) Orumilá-Ifá (11) caminhos (11) mapa astrológico (11) nova era (11) Estudo (10) REENCARNAÇÃO (10) bem estar (10) ciclos (10) conhecimento (10) céu (10) história (10) numerologia (10) oração (10) planeta (10) Astrônomos (9) Horóscopo Chinês (9) OFERENDA (9) OS SENHORES DO DESTINO (9) anjo da guarda (9) clavículas de Salomão (9) estrela (9) poderes (9) umbanda-astrológica (9) vibração (9) 72 anjos (8) Caboclos (8) ciência (8) cães (8) homem (8) luz (8) mestres (8) oraculo (8) pemba (8) Astronomia (7) CATIMBÓ (7) Era de Aquário (7) Macaco de Fogo (7) busca espiritual (7) cientistas (7) cosmos (7) dons (7) missão (7) obsessão (7) solidão (7) agente do carma (6) arcanjos (6) astrólogos (6) chacras (6) essência (6) Câncer (5) EXU GUARDIAO (5) Escorpião (5) Mitologia (5) amarração (5) esquerda (5) feitiço (5) misterios (5) Linha do Destino (4) advinhação (4) ebós (4) era de Aquario (4) macumba (4) mapa astrologico (2)