Total de visualizações de página

A pombagira

Meus livros de Magia Astrológica no link

segunda-feira, 25 de abril de 2011

O poder do Axé aumenta ou diminui depende da pratica

0 AXÉ como força pode diminuir ou aumentar dependendo da prática iItúrgica e rigorosa observância dos deveres e obrigações. A força do AXÉ é contida e transmítída através de elementos representativos do reino vegetal, animal e mineral (oferendas) e podem ser agrupados em três categorias: (a) sangue vermelho do reino animal (sangue), vegetal (azeite de dendâ) e mineral (cobre); (,b) sangue branco do reino animal (sêmem, a saliva), vegetal (seiva), mineral (giz); (c) sangue preto do reino animal (cinzas de animais), vegetal (sumo escuro de certos vegetais) e mineral (carvão, ferro). Estes trás tipos de sangue, por onde veicula o AXÉ, com sua coloração, vai determinar a fundamental importância da cor no culto. Resumindo: o AXÉ é, portanto, um poder que se recebe, partílha-se e distribuí-se através da prática ritual, da experiência mística e iníciátIca, conceitos e elementos simbólicos servindo de veículo. É a força do AXÉ que permite que o ORIXÁ venha e realize-se.

Não confunda demônios com pombagiras


EXÚ POMBA-GIRA, pólo feminino equilibrante de todo fundamento, de todo ERÓ (segredo, mistério, fundamento iniciático) da Kimbanda e da Umbanda. O vocábulo gira, é devido às suas incansáveis andanças planetárias, durante várias reencarnações, sendo estas sinônimos semânticos de gira ou vive-versa. Então Pomba-Gira não é uma mulher decaída, prostituída; ao contrário, é uma guerreira, no combate destas mazelas que levam homens e mulheres a despenhadeiros mais profundos, com objeção profunda da consciência. Eu não consigo me conformar com muitos imbecís continuam insistindo em ensinar que Pombagira é uma prostituta desencarnada! Quanta imbecilidade! Até tem boa parte militando, para evoluir e cumprir sua missão, mas, que fique claro que as pomba-giras chefes de legião, nunca nem encarnaram. Na verdade são ancestrais, praticamente orixás cosmicos, que administram a sexualidade do planeta, tudo que fecunda, tem o raio dessa vibração.

Não é pois Exú Pomba-Gira um pobre demônio que única função tem de incrementar a ostentação da forma (física) em detrimento da essência (consciência), fazendo de homens e mulheres objetos de sensualismo grosseiro e de eberrações comportamentais. Não negamos a atuação desse poderoso Exú Pomba-Gira no equlilíbrio, nas cobranças e nos ajustes dos desmandos emotivos, passionais, afetivos com toda sua gama de desvios do sensório, do juízo, que invariavelmente faz as pessoas descambarem para o sexo, como se fosse lazer ou ativador de euforia.

Em certos casos pode até ser motivo de euforia, mas que, se não vier acompanhado do verdadeiro amor, torna-se depressivo, frustrante, fazendo a pessoa desconexa de si mesma e do contexto coletivo.
Exú não é contra a permuta sexual, pois sabemos do poderoso manancial de forças criativas que dela provém, o que frenamos são as forças criativas negativas.

Sim, sendo o sexo força criativa, pode-se “criar” verdadeiras ações geniais, isto quando bem equilibrada, quando bem estruturada e sem aberrações sexuais várias.  Ao contrário, pode-se criar verdadeiras ações bestiais ou criminosas. A criminologia terráquia dá essas informações aos interessados, pois que vários crimes são apenas pano de fundo, pois a origem são os desvios do sentimento que se enredaram nos escaninhos do sexo.

Sexo é algo seríssimo e profundo. Altera o campo mental, a vontade, as disposições e as ações do indivíduo.
Pode-se encontrar no sexo poderoso medicamento ou fulminante veneno. Como se pode observar, sexo equilibrado, pessoa equilibrada.  Sexo desequilibrado, pessoa desiquilibrada.

Assim como há iludidos, e também quem iluda, o mesmo acontece com o outro lado do oceano da vida.
A morte do corpo físico quando muito pode-nos identificar os meios para corrigir-se os erros, as formulas para deslindar-se do ódio, da ilusão. Disse os meios pois a concretização dessa realização é na reencarnação. 

Queremos demonstrar que não é a verdadeira Pomba-Gira que desce toda faceira, toda sensual, bem cheirosa e abrasadora. Pois, se assim fosse, justificaria o adágio que diz ser Pomba-Gira mulher de 7 Exus, e suas médiuns ter vida desregrada, descambando para o sensualismo nu e cru. Que acautelem-se todos, pois estas não são, nunca foram o valoroso Exú Pomba-Gira. O Exú Pomba-Gira não é mulher de 7 Exús, mas sim... dos 7 Exús Cabeças de Legião é a única Mulher! Ou seja, como em tudo que é ligado ao mundo da fé, da religião e da espiritualidade há confusão, distorção e exageiro.

Senhoras, donzelas e senhoritas que estão por ai nesses terreiros “incorporando” alguém que se passe por Pomba-Gira, se apresentando como prostituta, querendo despir-se, fazendo abusivo uso de álcool, e outras coisas mais. Cuidado! Muitos magos negros e demônios se fazem passar por guias, exus e pombagiras, tanto pra desviar as pessoas, ensinar coisas distorcidas, como para pegar almas. Onde notarem a ambição desenfreada, exageiro e odio, como por exemplo, sempre encomendas de trabalhos de magias negras pra atingir terceiros, podem desconfiar. Estou aqui repisando, batendo na mesma tecla, sempre alertando para os perigos!

Continue lendo pesquisas interessantes aqui:  Climazzen

domingo, 24 de abril de 2011

Quem tem a Outorga?

0 chefe supremo do terreiro é o BABALORIXIÁ ou IYALORIXÁ (pai ou mãe que possuem o ORIXÁ). Eles são detentores de um poder sobrenatural - o AXÉ, a força propulsora de todo Universo. 0 AXÉ impulsiona a prática sagrada que, por sua vez, realimenta o AXÉ, pondo todo sistema em movimento. 0 AXÉ sendo principio e força é neutro. Transmite-se, aplíca-se e combina-se aos elementos naturais, que contám e expressam o AXÉ do terreiro, que pode ser: (a) o AXÉ de cada ORIXÁ, realimentado através das oferendas e da açio ritual; (b) o AXÉ de cada membro do terreiro, somado ao do seu ORIXÁ, recebido na iniciação, mais o AXÉ do seu destino individual (ODU) e o herdado dos próprios ancestrais; (c) o AXÉ dos antepassados ilustres.

O homem sempre se sentiu atraido a comtemplar o céu!


No CANDOMBLÉ à uma estrutura de culto às forças da natureza, à um hino à vida como Eterno Movimento, que se manifesta nas danças, nas cores dos ORIXÁS, nos elimentos sacramentais. Ritual comunitário de cantos, danças e alimentos sagrados na sua forma pública, o Candomblé é sacra mentado pelo Pai ou Mãe de Santo, pelos Filhos de Santo, pélos tocadores de atabaque (OGAN), que entoam os cantos sagra dos possibilitando a vinda do ORIXÁ, com a participação da comunidade dos mais velhos às criancinhas. Todos cantam e saúdam os ORIXÁS, executam a dança sagrada, num hino à Alegria, Amor e Partilha.

Na Umbanda mais voltada ao esoterismo, ou no meu caso voltada a astrologia,  não comtemplamos apenas a Natureza os ciclos naturais ou os elementos, na verdade comtemplamos o cosmos, a Geometria Sagrada como faziam os antigos e a beleza das estrelas. Ao culturmos os acentrais não basta apenas observar os rios, matas ou elementos da natureza, o homem vem de muito mais longe, o Deus dos Céus, Criador e cheio de poder, sempre fez o homem olhar pra cima, como se quizesse ascender. Sempre sentiu-se atraido pela imensidão de galaxias no céu! Comtemplar o céus é comtemplar a Deus! Não é a toa que tantas culturas cultuavam o deus-sol e hoje uma das maiores festas do ocidente (o Natal) originou-se num dia em que era cultuado o sol com toda sua luz e beleza!

Exu o mensageiro e dono dos caminhos.

EXU, o Mercúrio africano, o intermediário necessário entre o homem e o sobrenatural, o intérprete da linguagem dos mortais e dos ORIXÁS. É pois o encarregado de levar aos deuses da África o-chamado de seus filhos éstrangeiros. E nestas notas introdutörias, ele e chamado a levar aos filhos estrangeiros amostragem das infinitas possibilidades este rico Panteão, que se mantém vivo na África, no Brasil e em outros países do Novo Mundo. É por isso que Exu é uma entidade brincalhona, por causa dessa ligação que posso afirmar até como fusão vibracional com Erês. Temos na Umbanda Astrologica a indentificação com Marte, levando seu dia para terça-feira junto com Ogum, mas, não podemos ignorar seu lado mensageiro ligado a Mercurio junto com Erês. É por isso que os exus mirins são tão poderosos, talvez a linha que mais seja capaz de adentrar em terrenos, dimensões e lugares que poucos podem adentrar.

domingo, 3 de abril de 2011

O Sagrado em vários lugares e épocas

Os sumerianos, os acadianos, os caldeus, os persas, os indianos, os chineses, os etíopes, os tebanos e os egípcios, todos tiveram um Tabernáculo sobre o qual faziam descer o Fogo Celeste, por meios que nada tinham de material. Tudo era feito magisticamente, tanto por meio do uso perfeito dos elementos, encantos, pontos e simbolos, como também com a ajuda do Astral Superior. Crêr que isso realmente acontecia é totalmente dogmatico, cabe a fé de cada um aceitar isso ou não. Mas, o certo é que a magia está presente no mundo em tudo. Pra entender e aceitar essa existencia da magia, basta olhar o universo ao nosso redor.

Existe algo mais magico do que vê um ser vivo ser gerado de um pequenino ovulo que se funde a um espermatozoide? Ou constatar que uma pequena sementinha que foi plantada há alguns anos atras, hoje em dia é uma arvore imensa? Enfim a magia está em tudo que existe, vive e se transforma.

A Arca de Amon, cujo termo, em sua tradução, é carneiro, Lei de Rama, e era o santuário de Tebas, capital do Alto Egito, muitíssimo antes de Moisés existir, é bom repisarmos. Vemos no desenho estudado pelos pesquisdores, que ficam notórias, nas extremidades da Arca, as cabeças de carneiro, símbolo da religião de Rama. E por que não pode ter sido a inspiração para a construção da Arca dos hebreus? Enfim,  o que quero dizer é que a magia a busca do sagrado e a interligação, proto-síntese e fusão das crenças, existiram em vários lugares, como também em muitas épocas.

Carlinhos Lima - Astrologo

Animais e Planetas em Astrologia


A Competência dos Planetas sobre os animais



O Sol: o leão, a águia, o galo, em geral, os animais dominantes 
• A Lua: a lebre, o cisne, o rouxinol, a rã, o peixe, o landsnails, os caranguejos, os moluscos, em geral, os aquáticos ou de animais noturnos
• Mercúrio: a raposa, o macaco, a serpente, o papagaio, a aranha, a abelha, a formiga, em geral, os animais que são reputados sábios ou espertos
• Vênus: a cabra, a perdiz, a ovelha, o faisão, o pombo, o pombo eo pardal, todos os amatory ou polígamo ou prolífico animais
• Marte: o cavalo, o lobo, a abelha, o cão, o avestruz, a cobras venenosas, os escorpiões, as aranhas, todos os animais ou os lutadores ou nocivas aos seres humanos
• Júpiter: o elefante, o veado, o touro, em geral, o sábio, forte e rápida animais
• Saturno: o camelo, o urso, o burro, o mouse, o besouro, em geral, todos os animais de mau agouro, ou de movimento lento
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores