Total de visualizações de página

A pombagira

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

A magia em tempos modernos

A magia na era moderna não é mais aquela coisa onde se seguia o lado ocultissimo que chegava a assustar os humanos. Na busca por poder, quase num devaneio louco querendo se tornar um deus, o homem mexia com muitos tipos de elementos, se perdendo no caminho, onde na maioria das vezes, o maravilhoso religare, ligavam-nos, ao mundo da escuridão, por via do complexo, culpa, lado sombrio da alma ou simplesmente por burlar as leis do Astral Superior.

Hoje com tanta informação, tanto na mídia, quando na vida diaria, encontramos realmente uma melhor aplicação dos esforços pelos buscadores, no caminho do conhecimento. Mas, mesmo hoje, sabemos que muita gente perde muito tempo, por acabarem sendo ludibriadas, por falsos profetas, que sonham, e muitas vezes conseguem realizar, a meta de se tornarem reis da terra. Alguns usam a Biblia, que nem eles mesmos acreditam, pra usar as belas mensagens contidas nos livros pra manipular. Será que alguém que deboxa dos milagres biblicos, como os feitos pelo

Grande Mago Moisés e seu cajado, acredita mesmo na Biblia? Se acha que Deus não seria capaz de fazer aguá sair de uma rocha, acreditaria que o poder de Deus é tão grandioso? Eu tenho certeza que não! Mas, sempre esses caras de pau, encontram pessoas manipulaveis, onde geralmente entram em contato, num momento dificil, tornando-se muito facil de serem manipulados.

Mas, a nova e grande Era de portais poderosos que estão proximos de sua abertura cosmica, trará mudanças, onde muitos picaretas serão desmascarados. O imbecil que se deu bem com suas demagogias, usando a Biblia pra ludibriar, certamente rí, das criticas, pois, acha que seu imperio é intocavel, porque hoje ele tem grana e poder. No entanto, já existiram muitos outros imperios poderosos, que a verdade, acabou destruindo.

A magia hoje não suporta comportamentos banais, a magia de hoje, não quer idolatrias, mas, também não quer superficialidades. Pra trilharmos o caminho da magia, temos sim que dar as mãos ao sagrado, mas, evitando o fanatismo, sectarismo, ou escravidão do proximo. A magia hoje opera pelas conexões da internet, através das mensagens do Twitter, das ondas de radio ou Tv e ainda no dialogo entre amigos.

Você que é um escolhido, uma hora ou outra irá ouvir o chamado de Dã a grande Serpente, que cura a alma dos rancorosos ou sentir o veneno, dessa mesma serpente que mata os mentirosos sedentos que agem tomados pela inveja sobre seus irmãos.

Magia hoje não se opera na surdina, mas, a céu aberto e em conexão com ele. Hoje a magia, pode está num movimento de musica, nas expressões da arte, ou até mesmo no uso da sexualidade. Mas, não apenas, infiltrando simbolos, obscuros, conectando-se a demonios ou fazendo rituais macabros. Na verdade o bom é vivenciar a harmonia com o universo, tanto o macro-cosmos, quanto o micro-cosmo. Porém não esperemos apenas, pela força mental, seguindo dicas do "Segredo", pois, a magia em sua grande maioria de manifestações é involuntaria, agindo de cima pra baixo, nossa mente na verdade, é só um canal.
Hoje em dia, em especial no Mundo Ocidental, somos todos livres pra vivenciar a magia. Ela pode ser manifestada hoje, não só atraves das manifestações religiosas ou ritualisticas, mas, através do comportamento. Esse comportamento, pode despertar e liberar a magia, pelo uso da libido, na expressão corporal, quando alguém num palco faz liberar a emoção, ou aumentar os niveis de humor de outros individuos. Quando uma mulher exibe suas curvas deliciosas, seja mais erotica ou artisticamente, vai fazer com que outros individuos que presenciam, liberem hormonios, sentimentos, desejos e saciamento da curiosidade contidas na alma, do desejo da observação visual. Então via com bem estar, viva em harmonia com a magia. Axé a todos!

Carlinhos Lima - Astrologo

O Orixá de Cabeça




Existem vários modos de se conhecer este protagonistas espirituais, que nos acompanham em nossa jornada. Pode-se saber diretamente através dos mesmos; através de videntes; através de oráculos; enfim, de diversas formas.

Através do Esoterismo de Umbanda, que reúne conhecimentos de várias origens, visando oferecer parâmetros para o "porquê" de se estar aqui, nesta jornada, e, principalmente, sobre o como se instrumentalizar para enfrentar os grandes desafios da vida, promove-se a convergência entre os diversos conhecimentos de Tradições da Humanidade, herméticas ou não, oferecendo a "chave" alquímica para o entendimento da sua evolução.

Para a identificação dos Seres Espirituais que nos cercam e exercem diversos papéis, existe um modo simples de identificação, esclarecendo dúvidas e oferecendo segurança aos Médiuns de Umbanda. As Tradições, como o Aumbhandan, através de seus simbolismos, estudam e interpretam o indivíduo como um ser indissociável de um conjunto eterno e infinito.

Aproveitando a Correlação entre as "Vibrações Ancestrais" e a "Estrada dos Anjos e da Vida", pode-se conhecer as Influências Místicas que agem sobre o indivíduo. Para esta identificação é necessário o "Levantamento do Céu" no exato momento do seu nascimento ou seja, como estavam posicionados os Astros Celestes no exata hora do primeiro "hausto de vida" (nascimento), que pode ser obtido através de uma "Carta Natal" (Considerando que, a montagem desta carta exige algum conhecimento de Astrologia, recomenda-se obter junto a um Astrólogo ou através de programas específicos para tal fim, que você encontra na internet).
Considero ser de suma importância determinar qual o "Jogo" de Relacionamento de Forças e Vibrações que imperavam no momento em que alguém absorve seu primeiro "Hausto de Vida" – nascimento – o qual irá sempre, não determinar, mas sim influenciar aquilo que esta pessoa se dispuser a realizar nesta jornada terrestre: o Destino.

No momento do primeiro "Hausto de Vida" da pessoa que nasceu pode se identificar todas as entidades atuantes na vida de uma pessoa. Um detalhe importante, que deve ser observado: o Signo Ascendente. Enquanto o Signo Solar é aquele pelo qual o Sol estava transitando no período do nascimento (Relativo à Vibração Original), o Ascendente é o signo que estava "subindo" na linha do horizonte neste mesmo instante. Como os Signos estão associados aos Astros Celestes, aquele que está vinculado ao Signo Ascendente tem a sua importância bem definida. Na Astrologia o Astro Celeste correspondente ao Signo Ascendente é tido como o "governante" do mapa, no Esoterismo de Umbanda pode-se traduzi-lo como sendo aquele que representa a "Entidade Protetora".

Para aqueles que estão inseguros ou mesmo não sabem os nomes das Entidades que se manifestam, podem estar certos de que elas são integrantes de quaisquer uma das Falanges que forem identificadas, determinadas pelo "Poder Volitivo das Vibrações Originais", registradas pelos Astros Celestes no momento exato do início da sua jornada.

Carlinhos Lima - Astrologo, Tarologo e Pesquisador.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores