Total de visualizações de página

Meus livros de Magia Astrológica no link

sábado, 20 de novembro de 2010

Saiba mais: O que sinifica tais termos

Babalorixá – espécie de sacerdote do culto nagô. Interpretação dada: “pai-de-santo” – o “chefe-do-candomblé”. Babá – diminutivo do termo Babalorixá, que tanto pode designar o homem como a mulher, sacerdote ou sacerdotisa. Interpretação: “pai ou mãe-de-santo”. Babalaôou Babalawô – espécie de adivinho ou sacerdote do culto de Ifá. Ialorixá – espécie de sacerdotisa. Interpretação dada: “mãe-de-santo” – a “dona-do-candomblé”. Iaôou Yawô– espécie de inicianda. Interpretação dada: “filha-de-santo”. Ogan – espécie de protetor do candomblé, que fornecia os meios financeiros para as festas etc. Era escolhido pelo Babá e confirmado pelo “orixá”.

Ogan de atabaque– a pessoa que conhecia os segredos dos toques para os Orixás. Cambondo – dito como cambono, espécie de tocador de atabaque nos candomblés de angola (depois, em conseqüência das deturpações, passou a ser qualificado, nos “terreiros”, como auxiliar dos protetores, isto é, aqueles que se ocupam de servir às pessoas mediunizadas).

Ilu – atabaque de um modo geral. Matança – sacrifício de animais para os Orixás e para Exu também. Peji – o altar ou o santuário dos candomblés, dito, também, como “Congá”. E ainda, para a necessária diferenciação: Padrinho – diz-se, também, como “pai-de-santo”, no “candomblé de Caboclo”. Como padrinho ou compadres também tratam aos Exus, quando no “reino”. Tataou Tata de Inkice – interpreta-se também como “pai-de-santo” (Congo e Angola). Encantado – interpreta-se também como Orixá, no “candomblé de Caboclo” e no “catimbó” como os espíritos “protetores”, chamados de “mestres” etc.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores