Total de visualizações de página

Meus livros de Magia Astrológica no link

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Fé, religião e espiritualidade: Qual era a religião de Jesus?


Fé, religião e espiritualidade: Qual era a religião de Jesus?
Fé, religião e espiritualidade: Qual era a religião de Jesus?

 As crenças de Jesus

"Jesus nasceu judeu, viveu judeu, e morreu judeu", responde André Cheviterese. Foi só nos séculos seguintes à sua morte que a Igreja começou a se distanciar do judaísmo e a se aproximar do Império Romano. Nesse processo, a teologia cristã vai se tornando cada vez mais arredia aos judeus, resvalando até no antissemitismo — o que transparece nos Evangelhos, principalmente no de João. "Acho que a base para se entender isso está na tensão que é criada entre a comunidade cristã joanina [que se pretendia seguidora do apóstolo João] e a religião judaica. A partir da década de 80 do século I, seu proselitismo se torna tão agressivo que eles são expulsos das sinagogas. A partir daí, se tornam muitos hostis", diz o pesquisador. Assim, no Evangelho de João (capítulo 8, versículo 44), Jesus se refere aos judeus como Filhos do Diabo, adoradores de um Deus homicida e mentiroso. Do mesmo modo, a narração deixa de mostrar Jesus sendo morto de forma sumária pelos romanos. Segundo os textos, ele é assassinado a pedido dos judeus — Pôncio Pilatos até lava as mãos. "Essas passagens não deixaram de ser repercutidas desde então, e foram usadas, inclusive, para perseguir os judeus. Por sorte, a Igreja se desviou dessa visão nas últimas décadas", afirma o historiador. 

Comentário: é evidente que Jesus, marca uma passagem, para uma nova doutrina, mas, que suas bases são sim a tradição judáica. Mas, não podemos afirmar que a igreja católica ou qualquer outro tipo de cristianismo que conhecemos hoje ou vimos falar ao longo dos séculos seguintes a sua morte, estejam dentro de suas intenções. Sabemos bem, que abusos, egoísmos, manipulações e mentiras, envenenaram suas mensagens. O que podemos supor é que ele queria sim uma reformulação da doutrina judáica, tornando-a numa mensagem mais messiânica, mas, não tenho dúvida que o cristianismo, nem de longe conseguiu atingir sua vontade. Apenas alguns poucos iluminados conseguiram atingir a luz messiânica... tanto dentro do cristianismo, quanto fora dele! 

Sabemos bem que a igreja em sua sede de poder, espiritual, político e financeiro, desfigurou, perseguiu e subtraiu, todo caráter iniciático das escrituras e dos ensinamentos de Jesus. O Cristo jamais atacou os dons espirituais e a mediunidade de enviados, uma prova disso, era o respeito que ele tinha aos profetas. Mas, teólogos e doutores da igreja, sempre distorceram sua pregação real... Mas, os verdadeiros buscadores, vão sempre encontrar seu caminho, missão e destino, assim como todas as aguas um dia acabam chegando ao mar!
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores